PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

Ele pode decidir? 5 vezes em que Verstappen foi pedra no sapato de Rosberg

Verstappen tem se colocado no meio da briga das Mercedes nas últimas provas - Clive Mason/Getty Images
Verstappen tem se colocado no meio da briga das Mercedes nas últimas provas Imagem: Clive Mason/Getty Images

Julianne Cerasoli

Do UOL, em São Paulo

22/11/2016 07h10

O holandês Max Verstappen não apenas vem roubando a cena em sua primeira temporada correndo por uma equipe grande, como também pode ser decisivo para o campeonato, que termina neste final de semana. Que o diga o líder da temporada, Nico Rosberg, ‘colecionador’ de uma série de encontros nada amigáveis como o piloto de 19 anos.

Sabendo da interferência que o piloto da Red Bull pode ter na definição do título, o chefe da Mercedes Toto Wolff até chegou a ligar a seu pai, Jos Verstappen, para pedir que Max pense duas vezes antes de atacar Nico ou seu rival e companheiro Lewis Hamilton, que tenta tirar uma diferença de 12 pontos no GP de Abu Dhabi. O recado, porém, não parece ter funcionado e Verstappen comprovou com uma atuação agressiva no Brasil que não vai aliviar para cima da dupla do time alemão.

Dito isso, quem tem mais a perder é Rosberg, que será campeão se chegar no pódio em Yas Marina, independentemente do resultado de Hamilton.

Confira as 5 vezes em que Verstappen se estranhou com Rosberg:
Passão por fora no GP da Inglaterra:
em uma de suas melhores performances no ano, Verstappen ultrapassou Rosberg por fora na curva Becketts com a pista ainda molhada. A manobra, antes da 20ª volta, tornou virtualmente impossível que o alemão ameaçasse uma vitória que acabou sendo fácil para Hamilton.

Polêmica no GP da Alemanha
Rosberg e Verstappen voltaram a se encontrar no GP da Alemanha e as coisas não terminaram bem. Dividindo a curva do lado de fora, o holandês acabou saindo da pista para evitar o toque, enquanto os comissários julgaram que a defesa do alemão fora ilegal, punindo-o. Dali em diante, Max só teve de certificar-se de que estava a menos de 5s do alemão, para ficar em terceiro. Ficar fora do pódio de seu GP caseiro foi uma derrota importante para Rosberg no meio da temporada. O piloto fizera a pole na ocasião.

‘Por tabela’ em batida na Malásia
Foi Sebastian Vettel quem tocou na traseira da Mercedes de Rosberg e causou a rodada do alemão na primeira curva do GP da Malásia e o alemão chegou a se desculpar com o compatriota e foi punido pela manobra. Porém, o piloto da Ferrari fez questão de apontar que isso só aconteceu devido a um toque anterior. De quem? Max Verstappen. “Ele me fechou e não fiquei no melhor ângulo para fazer a curva”. Pior para Rosberg.

Fechada na largada no México
Rosberg não saiu tão bem da segunda colocação na largada do GP do México e deu a brecha para Verstappen atacá-lo na primeira curva. Sempre agressivo, o holandês dividiu a primeira curva com o alemão, que já poderia ter conquistado o título naquela etapa. Os dois chegaram a se tocar e saíram da pista, mas continuaram na corrida. O ataque significou, ainda, que Rosberg não conseguiu se aproveitar do erro de Hamilton, que também não fez a primeira curva.

(Mais um) passão na chuva no Brasil
Em Interlagos, Verstappen já tinha recebido o pedido para ficar de fora da briga pelo título, mas não demonstrou se importar com isso. Logo no início da prova e sob uma chuva constante, fez uma ultrapassagem incrível, por fora, na Curva do Sol, surpreendendo Rosberg. A Red Bull, então, passou a apostar na vitória e adotou uma estratégia ousada que acabou não dando certo. Caso contrário, o holandês teria tirado pontos importantes de Nico.

As atividades para o GP de Abu Dhabi começam na sexta-feira, com duas sessões de 1h30 de treinos livres a partir das 7h e das 11h pelo horário de Brasília. A classificação será às 11h do sábado, mesmo horário da corrida, no domingo.

Fórmula 1