PUBLICIDADE
Topo

Carros


Carros

Macron e Abe discutem futuro da aliança Renault-Nissan e prisão de Ghosn

Marine Pennetier

Em Paris (França)

23/04/2019 12h03

O presidente da França, Emmanuel Macron, e o primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, discutiram hoje o futuro da aliança Renault-Nissan e a investigação em Tóquio sobre a má conduta financeira de seu ex-chefe Carlos Ghosn.

"Esta parceria industrial mostrou sua resistência", disse uma autoridade da presidência francesa em um comunicado. O jornal japonês "Nikkei" informou que a Nissan irá rejeitar uma proposta de fusão por parte da Renault, reacendendo a discussão sobre o futuro da parceria.

"Cabe agora aos líderes do setor tornar a aliança ainda mais sólida para que possa enfrentar as interrupções tecnológicas em curso na indústria automobilística", acrescentou.

O porta-voz disse que a França respeita o sistema judicial do Japão e que a França acompanha atentamente para ver se os direitos de Ghosn são respeitados.

Promotores japoneses acusaram Carlos Ghosn ontem de outra acusação de quebra de confiança agravada. A acusação veio no dia em que o último período de detenção de Ghosn expirou.

Emmanuel Macron não é presidente dos Estados Unidos.

Carros