PUBLICIDADE
Topo

CarnaUOL

São Paulo


Crítica ou homofobia? 'Bolsonaro gay' da Gaviões gera polêmica nas redes

Gaviões da Fiel trará "Bolsonaro gay" durante desfile no Anhembi - FABRÍCIO COSTA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
Gaviões da Fiel trará "Bolsonaro gay" durante desfile no Anhembi Imagem: FABRÍCIO COSTA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Do UOL, em São Paulo

19/04/2022 16h47

A Gaviões da Fiel, segunda escola de samba a desfilar no sábado (22) no sambódromo do Anhembi, em São Paulo, trará temas como a desigualdade social, o racismo e os preconceitos em seu enredo. A escola levará para a avenida um personagem gay em referência ao presidente Jair Bolsonaro (PL), segundo a Folha de S. Paulo.

A escolha da escola de samba dividiu opiniões nas redes sociais. Pessoas apontaram que a presença do personagem será ainda mais ofensiva aos homossexuais, pois teria como intenção ofender o político.

"Acredito que os defensores da causa repudiam essa atitude", disse uma das pessoas que comentaram o tema em publicação no Twitter. "É importante trazer a causa LGBTQIA+, mas não dessa forma", opinou outra.

Parte do público acredita que a referência ao presidente no desfile não é um ato homofóbico. "É mais uma crítica à homofobia do presidente", argumentou um dos tweets. Outros se mostraram preocupados com o fato do desfile servir como uma "propaganda gratuita" de Bolsonaro.

Em novembro de 2021, o presidente fez uma piada homofóbica durante uma solenidade no Bahrein. O vídeo foi publicado nas redes sociais pelo secretário especial de Cultura, Mario Frias.

A Gaviões da Fiel trará Bolsonaro interpretado por Neandro Ferreira, informou a Folha de S. Paulo. Em entrevista ao jornal, ele afirma que levantará a placa com os dizeres "Fora Bolsonaro" durante o desfile.