PUBLICIDADE
Topo

Astronauta da ISS registra aurora boreal causada por tempestade solar

"Linda #aurora está voltando. Um retorno bem-vindo, de fato!", postou Reid Wiseman - Reprodução/Twitter/@astro_reid
"Linda #aurora está voltando. Um retorno bem-vindo, de fato!", postou Reid Wiseman Imagem: Reprodução/Twitter/@astro_reid

Do UOL, em São Paulo

12/09/2014 21h53

Da ISS (Estação Espacial Internacional, na sigla em inglês), o astronauta norte-americano Reid Wiseman postou na noite desta sexta-feira (12) em sua conta do Twitter (@astro_reid) uma foto da aurora boreal na atmosfera terrestre. Na mensagem, ele diz “Linda #aurora está voltando. Um retorno bem-vindo, de fato!”, em tradução livre. A aurora é resultado da interação entre uma rara explosão dupla de tempestades solares magneticamente carregadas e o campo magnético terrestre.

Além do belo fenômeno registrado por Wiseman, a tempestade solar afetou a transmissão de canais a cabo, inclusive dos brasileiros Globo News, SporTV, GNT, Multishow e Viva, da Globosat. O problema ocorreu às 13h25 (horário de Brasília). Além disso, as explosões também podem afetar sinais de GPS, comunicações de rádio e transmissões de energia.

As auroras acontecem mais comumente nas áreas próximas aos polos magnéticos da Terra, onde as partículas oriundas do vento solar encontram as mais altas camadas atmosféricas. Com as explosões, esse fenômeno se intensificou e pode aparecer em locais mais distantes dos polos terrestres.