Topo

Nave espacial Shenzhou 10 volta para a Terra com três chineses

De Pequim

25/06/2013 23h36

A cápsula Shenzhu 10 regressou à Terra nesta quarta-feira (26), no horário local, pousando sem problemas no território chinês, após a missão tripulada mais longa da história espacial da China.

Shenzhu 10, que transportava dois homens e uma mulher, pousou às 08h07 local - que corresponde às 21h08 de terça-feira (25), no horário de Brasília -, nas estepes da Mongólia interior, após 15 dias em órbita da Terra, em mais uma etapa do ambicioso programa espacial chinês.

Pequim fixou como objetivo instalar uma estação espacial habitada até 2020. O programa espacial chinês inclui um projeto para enviar um homem à Lua.

Infográfico

  • Arte UOL

    Saiba até onde o homem já chegou na corrida pela exploração espacial

A TV chinesa mostrou os técnicos em torno da cápsula para abrir a escotilha de aço, e a aproximação dos médicos que fazem as primeiras avaliações nos três tripulantes.

Uma hora após a capsula tocar o solo, o comandante da tripulação, o general Nie Haisheng, foi o primeiro a sair, amparado por técnicos.

Shenzhu 10 (que significa 'navio divino') atracou na quinta-feira passada (20) ao Tiangong (palácio celeste), um módulo orbital no qual os três astronautas, entre eles Wang Yaping, a segunda mulher chinesa enviada ao espaço, realizaram experiências científicas.

Tilt