PUBLICIDADE
Topo

Produtora de software Zendesk fechará capital em negócio de US$10,2 bi

24/06/2022 14h46

Por Nivedita Balu e Krystal Hu

BENGALURU/NOVA YORK (Reuters) - A produtora norte-americana de software Zendesk acertou nesta sexta-feira acordo de 10,2 bilhões de dólares com as empresas de investimento lideradas por Hellman & Friedman e Permira para fechar seu capital, uma reviravolta que ocorre apenas algumas semanas depois que a companhia concluiu que continuaria a ter ações em bolsa.

A empresa disse que os acionistas receberão 77,50 dólares por ação em dinheiro, representando um prêmio de 33,7% em relação ao último preço de fechamento. Ainda assim, o valor representa um grande desconto em comparação com uma oferta anterior que avaliou a empresa em até 16 bilhões de dólares em fevereiro.

Uma subsidiária da Abu Dhabi Investment Authority e do fundo soberano de Cingapura GIC também se juntaram ao consórcio de investidores. Hellman & Friedman e Permira disseram que conseguiram compromissos de financiamento via dívida e capital.

O negócio marcou uma vitória para o investidor ativista Jana Partners, que tem uma participação de quase 2,5% na empresa de software. Jana tem pressionado a empresa a se vender depois que não conseguiu comprar a Momentive Global, controladora da SurveyMonkey, em uma transação de 3,9 bilhões de dólares.

O negócio com a Momentive fracassou depois que foi rejeitado pelos acionistas da Zendesk. Em fevereiro, a Zendesk recebeu uma oferta não solicitada de 127 dólares a 132 dólares por ação em dinheiro de empresas de private equity. A companhia rejeitou a oferta, mas não nomeou os interessados.

As ações da Zendesk tinham alta de 28,5% às 14h41 (horário de Brasília), cotadas a 74,5 dólares.

(Por Eva Mathews, Nivedita Balu e Krystal Hu)