PUBLICIDADE
Topo

Exército chinês proíbe carros da Tesla em suas instalações

19/03/2021 15h01

BANGALORE, Índia (Reuters) - Militares chineses proibiram os carros da Tesla de entrar em seus complexos habitacionais, alegando preocupações com a segurança das câmeras instaladas nos veículos, de acordo com duas pessoas que viram as notificações da diretiva.

O Wall Street Journal relatou que o governo chinês está restringindo o uso de carros da Tesla por militares, empresas estatais em setores sensíveis e agências importantes, pois eles poderiam ser uma fonte de vazamentos de segurança nacional. Não ficou claro se a medida vale para todas as instalações.

O Escritório de Informações do Conselho de Estado da China e a Tesla não responderam de imediato pedidos de comentários. Representantes do Ministério da Defesa da China puderam ser contatados.

Os carros Tesla têm várias pequenas câmeras externas para ajudar no estacionamento e na direção autônoma. O Model 3 e o Model Y também têm câmeras embutidas no espelho retrovisor que podem ser desativadas.

As restrições surgem após altos funcionários chineses e norte-americanos terem uma reunião no Alasca, na primeira interação presencial no governo do presidente dos EUA, Joe Biden.

Segundo o Wall Street Journal, autoridades chinesas descobriram que os sensores da Tesla podem registrar imagens visuais de locais próximos.

Veículos de todos os tipos estão sendo equipados com câmeras, sensores de radar e sensores de captura de imagens que podem montar e transmitir informações detalhadas sobre o que está ao redor e quem está dentro dele.

Quem controla como essas imagens são usadas e para onde são enviadas e armazenadas é um desafio para a indústria automotiva e reguladores em todo o mundo.

O presidente da Tesla, Elon Musk, tem falado sobre o valor dos dados que os veículos podem capturar e que podem ser usados ​​para desenvolver funções de direção autônoma. Outras montadoras, incluindo chinesas, também têm equipando os veículos com câmeras e sensores para capturar imagens de objetos ao redor do carro.

A China é um mercado estratégico para a Tesla. A fábrica de Xangai foi a primeira de produção da companhia fora dos EUA. A unidade fabrica o sedã Model 3 e o utilitário esportivo compacto Model Y.

(Por Eva Mathews e Subrat Patnaik)