PUBLICIDADE
Topo

Apple enfrenta investigação por suspeita de concorrência desleal na Rússia

08/08/2019 13h16

MOSCOU (Reuters) - A Apple está sendo investigada na Rússia após uma queixa da empresa de segurança cibernética Kaspersky Lab por possível abuso da sua posição dominante no mercado, disse a agência antimonopólio da Rússia nesta quinta-feira.

A agência FAS disse que está investigando o motivo de uma nova versão do aplicativo Safe Kids da Kaspersky Lab ter sido recusada pelo sistema operacional da Apple, resultando em uma perda significativa das funcionalidades para o aplicativo.

A empresa informou que a Apple lançou a versão 12 de seu aplicativo Screen Time, que possui funções similares ao programa da Kaspersky. Os aplicativos de controle parental permitem que os pais controlem o uso dos telefones e tablets de seus filhos.

Questionada a respeito, a Apple mencionou um comunicado de 28 de abril, que anunciou a remoção de vários aplicativos de controle parental de sua loja porque "colocavam em risco a privacidade e a segurança dos usuários".

A empresa disse que vários desses aplicativos usavam uma tecnologia altamente invasiva chamada Gerenciamento de Dispositivos Móveis (MDM) e que seu uso em um aplicativo para o consumidor era uma violação das políticas da App Store.

A Kaspersky disse que as diretrizes da App Store permitiam um uso limitado da tecnologia MDM, mas que não estava claro como obter a permissão da Apple para fazê-lo.

(Por Maria Kiselyova e Nadezhda Tsydenova)

Tilt