PUBLICIDADE
Topo

Reino Unido gerencia riscos da Huawei, não tem provas de espionagem

20/02/2019 15h23

LONDRES (Reuters) - O Reino Unido consegue administrar os riscos de segurança do uso de equipamentos da Huawei em redes nacionais de telecomunicações e não viu nenhuma evidência de atividade maliciosa da empresa, disse o chefe do Centro Nacional de Segurança Cibernética do país nesta quarta-feira.

Perguntado se Washington apresentou à Grã-Bretanha qualquer evidência que apoie as alegações de que a Huawei ajudou atos de espionagem de Pequim, Ciaran Martin, chefe do NCSC, disse que o governo dos EUA deveria comentar sobre as informações que tem sobre a empresa.

"Do nosso ponto de vista ... se você olhar para o documento detalhado que estamos publicando, definimos a maneira como gerenciaremos os riscos", disse Martin em teleconferência com jornalistas.

"Eu seria obrigado a informar se há evidência de malevolência ... pela Huawei. E ainda temos que fazer isso. Então eu espero que isso cubra este assunto."

(Por Jack Stubbs e Paul Sandle)