PUBLICIDADE
Topo

Google cria página de ajuda às vítimas do tufão Haiyan

Site de crise do Google mostra áreas em estado de calamidade pública afetadas pelo tufão Haiyan - Reprodução
Site de crise do Google mostra áreas em estado de calamidade pública afetadas pelo tufão Haiyan Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

11/11/2013 15h55

O Google publicou uma página de crise para ajudar vítimas do tufão Haiyan (Yolanda), que destruiu cidades na região central das Filipinas e pode ter matado cerca de 10 mil moradores, segundo autoridades do país.

Como em outras ocasiões em que ocorreram desastres naturais, a página criada pelo Google pretende ajudar aqueles que procuram por desaparecidos. O usuário pode publicar um apelo sobre informações de algum amigo ou parente desaparecido ou fornecer informações sobre pessoas encontradas.

Além dessa ferramenta, o Google disponibilizou um mapa que mostra as áreas afetadas pelo tufão Haiyan, com informações sobre quais cidades declararam estado de calamidade pública e centros que recebem desabrigados.

Na página há ainda links diretos para doações que levam aos sites da Cruz Vermelha, Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) e Programa Mundial de Alimentação, da ONU.