PUBLICIDADE
Topo

'Medida Provisória', filme de Lázaro Ramos, enfrenta problemas para estreia

Filme de Lázaro Ramos, "Medida Provisória", enfrenta dificuldades com a Ancine - Divulgação
Filme de Lázaro Ramos, "Medida Provisória", enfrenta dificuldades com a Ancine Imagem: Divulgação

Colaboração para Splash, no Rio de Janeiro

06/12/2021 14h02

O filme "Medida Provisória", primeiro longa de ficção dirigido por Lázaro Ramos, terá sua primeira exibição no Brasil no Festival do Rio, evento de cinema internacional na capital fluminense, no próximo dia 15 deste mês. No entanto, ainda não há uma data de lançamento em larga escala nos cinemas do país.

A produção do filme informou que se trata de uma exibição pontual, já que "Medida Provisória" segue impossibilitado de ter seu lançamento no Brasil.

"Isso mesmo com os inúmeros recursos submetidos por suas produtoras e coprodutoras à Agência Nacional do Cinema (Ancine) para que o filme seja liberado em circuito comercial. Explicamos ainda que questões burocráticas seguem sem retorno conclusivo da agência desde novembro de 2020 - um ano antes de sua previsão inicial de estreia, que seria realizada no último mês de novembro", explicou a assessoria de imprensa do filme, Trigo Agência de Ideias, em nota.

Ao longo de mais de um ano, a assessoria informou que foram trocados com a agência dezenas de e-mails, checados o recebimento e andamento de protocolos, bem como foram realizadas consultas processuais. Especificamente no dia 21 de outubro, pouco mais de um mês da previsão de estreia inicial, foi enviada uma carta com questionamento formal à Ancine, via protocolo e com cópia para os setores envolvidos nesta análise.

"O recebimento desta comunicação foi confirmado, mas não houve manifestação por partes de outros setores. Logo, mediante a não análise destes pedidos, comunicamos que o filme segue sem previsão de lançamento no Brasil", informou a assessoria.

A equipe de "Medida Provisória" segue confiante na Ancine e espera poder anunciar, em breve, uma data de lançamento para que todos os brasileiros possam conhecer o longa que tem em seu elenco nomes como Seu Jorge, Taís Araujo, Alfred Enoch, Adriana Esteves, Renata Sorrah, Mariana Xavier e Emicida, além das centenas de profissionais que trabalharam nos bastidores sempre acreditando no cinema nacional.

Baseado na obra teatral de Aldri Anunciação, o filme passou por dezenas de festivais internacionais e acumulou críticas, além de inúmeros prêmios.

A produção será lançada ao público brasileiro mais de dois anos após a conclusão da filmagem. "Logo, esta exibição inédita no Brasil nos enche de orgulho pois acreditamos que a obra, feita para brasileiros, merece ser vista no país", afirmou a assessoria de imprensa.