PUBLICIDADE
Topo

Globoplay cutuca Netflix em vídeo após concorrente aumentar mensalidade

Globoplay alfineta Netflix pelo aumento dos preços - Divulgação
Globoplay alfineta Netflix pelo aumento dos preços Imagem: Divulgação

Colaboração para o UOL, em São Paulo

23/07/2021 18h08Atualizada em 23/07/2021 18h10

O Globoplay, plataforma de streaming do Grupo Globo, compartilhou com seus seguidores, na tarde de hoje, uma lista de vantagens de seus planos com alfinetada direta ao concorrente Netflix - que anunciou ontem o reajuste dos valores dos planos de assinatura.

Por meio de postagem no Instagram, a plataforma de streaming da Globo cutucou o concorrente dizendo não fazer sentido o aumento dos preços em momento 'em que tudo está caro' e garantiu aos usuários que seus reajustes nos valores serão somente em 2023.

O gás está caro, a comida está cara, o combustível está caro. Num momento onde tudo está caro, ainda tem gente aumento preço de streaming. Ainda bem que o Globoplay garante a todos os seus assinantes atuais, e mais quem assinar até o final do ano, que não teremos reajuste de preço até 2023. Ah, e você ainda ganha 1 ano de Deezer premium de graça!

O vídeo ainda traz Gilberto Nogueira, quarto colocado no "BBB 21", convidando o público a ficar só com o Globoplay. "N motivos para cancelar tudinho para e ficar só com a gente", declarou.

Presente no vídeo, o ator Paulo Vieira aparece chocado com a menção ao Netflix. "Menino, que agora é barraco", disse.

"O Globoplay não vai perder para basculho", grita Gil do Vigor, em referência a famosa briga com a cantora Pocah, no "Big Brother Brasil 21".

Nos comentários, os seguidores do Globoplay foram ao delírio com a cutucada direta no Netflix. "O murro no Netflix", disse um internauta. "A senhora tá muito afrontosa", brincou outro seguidor". "Isso, briguem", debochou um terceiro usuário.

Aumento dos preços do Netflix

Em comunicado realizado ontem, a Netflix informou que os valores dos planos de assinatura no Brasil sofreram reajustes. Os novos preços partem de R$ 25,90 (plano básico) e chegam a R$ 55,90 (plano premium).

A gigante do streaming justificou o aumento com a promessa de uma experiência melhor para os assinantes e destaca a ampliação do catálogo de filmes e séries originais, tanto brasileiros como internacionais —há, ainda, previsão de investimento em games.

Nas redes sociais, no entanto, os usuários da plataforma não esconderam o descontentamento com o aumento dos preços justamente no momento em que o mundo ainda enfrenta uma pandemia.