PUBLICIDADE
Topo

Mauricio Stycer

"Bom Sucesso" termina com melhor média de novela das 19h desde 2012

Paloma (Grazi Massafera) e Alberto (Antonio Fagundes) em Bom Sucesso - Globo / João Cotta
Paloma (Grazi Massafera) e Alberto (Antonio Fagundes) em Bom Sucesso Imagem: Globo / João Cotta
Mauricio Stycer

Mauricio Stycer é jornalista desde 1985. Repórter e crítico do UOL, colunista da Folha de S.Paulo, passou por Jornal do Brasil, Estadão, Folha, Lance!, Época, CartaCapital, Glamurama Editora e iG. É autor de "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018).

Colunista do UOL

27/01/2020 13h23

Os números de audiência do último mês confirmaram o desempenho acima da média de "Bom Sucesso" em matéria de audiência. Dados do Ibope registram que a novela da Rosane Svartman e Paulo Halm teve o melhor desempenho desde "Cheias de Charme", em 2012, superando as últimas 13 novelas no horário. Os dados se referem a São Paulo e Rio, os dois maiores mercados do país.

"Bom Sucesso" registrou média de 29 pontos em São Paulo e 30 no Rio. Arredondados, estes números são iguais à média geral de "Pega Pega"', em São Paulo; e de "Totalmente Demais", no Rio de Janeiro.

No último capítulo, exibido na sexta-feira (24), a novela marcou média de 31 pontos (com 49% dos aparelhos ligados), em São Paulo e 36 pontos (e 57% de share) no Rio.

Em dezembro, ainda faltando cerca de 40 capítulos para o final da trama, o site Notícias da TV publicou levantamento informando que "Bom Sucesso" acumulava média de 29,2 pontos em São Paulo, acima da média das 13 novelas que a antecederam. A saber: "Verão 90" (26,1), "O Tempo Não Para" (24,0), "Deus Salve o Rei" (25,6), "Pega Pega" (28,8), "Rock Story" (25,9), "Haja Coração" (27,5), "Totalmente Demais" (27,4), "I Love Paraisópolis" (23,5), "Alto Astral" (22,0), "Geração Brasil" (19,4), "Além do Horizonte" (19,7), "Sangue Bom "(24.6) e "Guerra dos Sexos" (22,8).

"Cheias de Charme", de Filipe Miguez e Izabel de Oliveira, exibida entre abril e setembro de 2012, registrou média de 30 pontos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL