Topo

Fórmula 1


Leclerc reclama de manobra de Verstappen no GP da Áustria: "Foi injusto"

Reuters
Imagem: Reuters

Do UOL, em São Paulo

30/06/2019 12h55

O GP da Áustria de Fórmula 1 terminou com polêmica na manhã de hoje (30). Max Verstappen, da Red Bull, cruzou a linha de chegada na frente após superar Charles Leclerc nas últimas voltas. A ultrapassagem ficou sob investigação, mas a FIA não aplicou punição ao holandês da Red Bull. Antes mesmo da decisão, o piloto da Ferrari reclamou da manobra do rival em Spielberg e disse que a irregularidade "foi clara" e "injusta".

"No geral, a corrida foi boa. Deixarei os comissários decidirem, mas para mim foi claro que ele não deixou espaço quando eu estava do lado de fora. Nós nos tocamos e eu fui para fora. É uma pena", disse o piloto da Ferrari logo após a corrida.

"Foi um movimento injusto, mas preciso assisti-lo para entender a situação completa. Na primeira tentativa (de ultrapassagem), ele me deixou espaço, mas na segunda não. Vamos ver", acrescentou Leclerc antes da decisão dos comissários.

Leclerc liderava a corrida até perto do fim. Ele perdeu a primeira posição após disputa com Verstappen na volta 68 de 71. Logo após o encerramento da prova, a Fórmula 1 informou que a manobra envolvendo os pilotos estava sob investigação.

Max Verstappen também falou sobre o ocorrido depois da corrida e disse não ver razão para penalidade. "Se essas coisas não são permitidas, qual é o sentido de estar na Fórmula 1?", rebateu o piloto. "Eu não acho que deva receber uma punição por isso. Não abri o volante. Eu estava na frente, ele tentou dar a volta pelo lado de fora, o que não é possível", explicou.

Essa não foi a primeira vez que uma corrida terminou com polêmica na atual temporada da F1. No GP do Canadá, Sebastian Vettel completou a corrida na frente, mas perdeu a primeira posição para Lewis Hamilton após ser punido. O alemão se irritou com a decisão e sugeriu "queimar o livro de regras" da categoria.

A F1 volta no dia 14 de julho, com o Grande Prêmio da Grã-Bretanha, em Silverstone.