PUBLICIDADE
Topo

CarnaUOL

São Paulo


Prefeitura de SP nega transferência dos desfiles de Carnaval para abril

Prefeitura optou por manter os desfiles nas datas originalmente planejadas - Ricardo Matsukawa / UOL
Prefeitura optou por manter os desfiles nas datas originalmente planejadas Imagem: Ricardo Matsukawa / UOL

Do UOL, em São Paulo

20/01/2022 12h18

A Prefeitura de São Paulo negou hoje os rumores de que estaria planejando transferir os desfiles de Carnaval para abril, como forma de conter o contágio pela covid-19.

"A Prefeitura, por meio da SPTuris, reafirma que os desfiles das escolas de samba de São Paulo estão mantidos para as datas acordadas com as entidades que representam as agremiações paulistanas", diz nota enviada pela Prefeitura ao UOL.

"As regras sanitárias, definidas conjuntamente, foram aprovadas pela Vigilância Sanitária e os organizadores assumiram a responsabilidade de zelar para que sejam integralmente cumpridas."

A Secretaria Municipal de Saúde divulgou ontem os protocolos que deverão ser seguidos nos desfiles. O documento prevê que o evento pode ser adiado caso a situação epidemiológica na capital se agrave.

Entre as diretrizes definidas, estão:

  • Exigência do passaporte da vacina para o público;
  • Limite de ocupação máxima de 70% da capacidade de público em todos os setores, incluindo arquibancada, camarotes e pista;
  • Pré-cadastro de componentes do desfile com o passaporte da vacina, que será exigido também para os desfilantes;
  • Uso obrigatório de máscara para desfilantes e espectadores;
  • Redução do número de componentes por escola;
  • Controle de público na concentração e dispersão e recomendações para os ensaios técnicos e encontros nas quadras.