PUBLICIDADE
Topo

Criador do Cirque du Soleil dirige espetáculo sobre água direto da ISS

10/10/2009 15h47

Moscou, 10 out (EFE).- O milionário canadense Guy Laliberté, fundador do Cirque du Soleil, coordenou ontem à noite, diretamente da Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês), um espetáculo organizado para chamar a atenção sobre a escassez de água no mundo, do qual participaram, entre outros, U2, Shakira e Al Gore.

"Laliberté dirigiu o espetáculo poético-musical 'Movimentando Estrelas e Terra pela Água', durante o qual conhecidas personalidades de todo o mundo conectaram com a ISS", informou hoje o Centro de Controle de Voos Espaciais russo (CCVE).

Os cantores Bono, do grupo U2, e Shakira, a atriz Salma Hayek e o ex-vice-presidente americano Al Gore são algumas das personalidades que discursaram sobre a importância de se economizar água ou fizeram shows durante o espetáculo.

O evento, que foi iniciado pelo próprio turista espacial, foi realizado simultaneamente nos cinco continentes, em cidades como México, Nova York, Montreal, Moscou, Mumbai, Paris, Londres, Rio de Janeiro, Marrakech, Tóquio, Sydney ou Johanesburgo.

"Nunca neguei que queria aproveitar esta oportunidade para chamar a atenção sobre a situação da água no mundo. O planeta não tem 25 anos para solucionar este problema", assegurou Laliberté, segundo as agências russas.

O criador circense é diretor da fundação One Drop (Uma Gota, em tradução livre do inglês), que tem o objetivo de conscientizar o mundo sobre o problema da escassez de água e sua relação direta com a pobreza em nosso planeta.

Laliberté, que pagou US$ 35 milhões pela viagem ao espaço, afirmou que, com este voo, quer dar um exemplo a seus cinco filhos, que "devem entender que é preciso trabalhar duro para tornar os sonhos realidade".

Tilt