PUBLICIDADE
Topo

'Aposentadoria' de Sophia Loren não foi proposital: 'Não havia bons filmes'

09.11.2019 - Sophia Loren em evento em Hamburgo (Alemanha) - DPA/Picture Alliance via Getty Images
09.11.2019 - Sophia Loren em evento em Hamburgo (Alemanha) Imagem: DPA/Picture Alliance via Getty Images

De Splash, em São Paulo

21/10/2020 10h33

Sophia Loren está voltando aos cinemas após mais de dez anos afastada, mas essa "aposentadoria" não foi proposital. Em entrevista à Entertainment Weekly, ela disse que simplesmente não recebeu propostas interessantes durante todo esse tempo.

Simplesmente aconteceu. Eu quero ser inspirada e desafiada. Eu não fiquei sabendo de nenhum filme que me fez querer trabalhar. Quando escolho projetos, sempre procuro papéis em que posso mostrar o que faço de melhor. As pessoas gostam de assistir a algo verdadeiro."
Sophia Loren explica ausência dos cinemas

Sophia Loren (à dir.) voltou aos cinemas em 'Rosa e Momo', filme dirigido pelo filho - Reprodução/IMDb - Reprodução/IMDb
Sophia Loren (à dir.) voltou aos cinemas em 'Rosa e Momo', filme dirigido pelo filho
Imagem: Reprodução/IMDb

Retorno em família

O longa que finalmente tirou o ícone italiano de casa foi "Rosa e Momo", dirigido pelo filho dela, Edoardo Ponti. A produção será lançada pela Netflix, em 13 de novembro, e pode levar Loren de volta à corrida do Oscar, quase 60 anos depois de sua vitória por "Duas Mulheres", em 1962.

Na trama, Loren é Madame Rosa, uma sobrevivente do Holocausto que acolhe um garoto de rua senegalês, Momo (o estreante Ibrahima Gueye), em sua casa, onde também administra uma creche.

Sophia jura, no entanto, que atuar no filme do filho não é nepotismo. Ela cita uma cena de "Rosa e Momo" em específico, onde a sua personagem aparece sentada em um telhado, embaixo da chuva, para elogiá-lo.

Meu filho não queria que eu piscasse enquanto a câmera estava em mim, e isso foi muito difícil, porque a chuva estava caindo nos meus olhos. Ele gosta de me ver sofrer um pouquinho. Mas eu trabalharia com ele mesmo que não fosse meu filho, porque depois vi a cena e achei que eu estava incrível nela."
Sophia Loren sobre trabalho com o filho, Edoardo Ponti

21.07.2015 - Sophia Loren e o filho, o cineasta Edoardo Ponti, em evento em Los Angeles (EUA) - Axelle/Bauer-Griffin/FilmMagic - Axelle/Bauer-Griffin/FilmMagic
21.07.2015 - Sophia Loren e o filho, o cineasta Edoardo Ponti, em evento em Los Angeles (EUA)
Imagem: Axelle/Bauer-Griffin/FilmMagic

Mas e aí, o retorno é para valer?

Se depender da própria Sophia, que está com 86 anos, com toda a certeza.

Eu amo demais o cinema. Quero continuar atuando para sempre. Eu sei que é difícil encontrar boas histórias, mas às vezes me apaixono pelas certas. Eu pretendo fazer filmes para sempre."
Sophia Loren está de volta, e veio para ficar

Essa notícia a gente comemora!