PUBLICIDADE

Topo

Coluna

Mundo Melhor


Mundo Melhor: Voluntária transformou postinho de saúde em oásis na favela

Ecoa

16/01/2020 04h00

Julia Rangel chegou para trabalhar na Rede Postinho de Saúde, no Morro do Cantagalo, no Rio de Janeiro, sob olhares desconfiados. “O que esta patricinha veio fazer aqui na favela?” Ninguém achava que ela duraria. Jovem branca de classe média criada em Ipanema e formada em Psicologia, foi trabalhar sem qualquer estrutura ou dinheiro no posto de saúde que criou na comunidade com foco no atendimento preventivo e multidisciplinar da mulher. Julia já está lá há 10 anos. E, gratuitamente, realizou mais de 20 mil atendimentos nas áreas de nutrição, fisioterapia, medicina e mediação familiar para mulheres que vivem nas comunidades do Cantagalo e Pavão-Pavãozinho. E está orgulhosa do que realiza com os moradores, que têm uma vida difícil, mas que ali encontram saúde e amizade. Como buscava trabalhos voluntários desde a adolescência, Julia se sente uma transformadora e assim vê sentido na vida, mote principal da série Mundo Melhor.