PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Mercado da bola: quem chega e quem sai dos clubes após o Brasileirão

Fernando Prass deixou o Palmeiras, onde estava desde 2013, e está livre no mercado - Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Fernando Prass deixou o Palmeiras, onde estava desde 2013, e está livre no mercado Imagem: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Bruno Grossi e Marcello de Vico

Do UOL, em São Paulo

09/12/2019 16h04

O Campeonato Brasileiro terminou ontem (8) e os times começam a se movimentar no mercado da bola. Saídas já foram confirmadas, como as dos veteranos Fernando Prass e Léo Moura, e chegadas estão perto de serem concretizadas, como o Internacional com o volante argentino Damián Musto.

Outras negociações também estão esquentando e o Corinthians aparece como o primeiro candidato a levar Michael, revelação do Goiás. Há expectativa ainda sobre o destino de técnicos badalados e da compra de jogadores emprestados — é o caso do goleiro Tiago Volpi, no São Paulo.

Confira abaixo o vaivém que vai agitar as próximas semanas sem o Brasileirão!

Saídas

  • REUTERS/Rodolfo Buhrer

    Flamengo

    Enquanto o futuro de Gabigol não é definido -- o empréstimo da Internazionale termina em dezembro -- e o Mundial de Clubes não chega, o Flamengo só deve perder mesmo o zagueiro Rhodolfo. O contrato acaba neste ano e o jogador já fala em tom de despedida. Leia mais

  • Fernanda Luz/AGIF

    Santos

    Vice-campeão, o Santos vive uma incerteza sobre o destino do técnico Jorge Sampaoli e já tem certeza que perderá dois titulares desta temporada. O zagueiro Gustavo Henrique fica sem contrato no fim do mês e já foi procurado pelo Flamengo e pelo Porto, de Portugal. Quem também não terá mais vínculo com o Peixe depois de dezembro é o lateral-esquerdo Jorge, que está emprestado pelo Monaco. Leia mais

  • Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

    Palmeiras

    O Palmeiras tenta reformular o elenco após uma temporada sem conquistas e já apresentou quatro baixas até aqui. O zagueiro Edu Dracena resolveu se aposentar e o volante Thiago Santos se transferiu para o FC Dallas, dos Estados Unidos. O centroavante Henrique Dourado volta ao Henan Jianye, da China, após curto empréstimo. E, em um desfecho surpreendente, o goleiro Fernando Prass não renovou. O veterano de 41 anos está livre no mercado. Leia mais

  • Divulgação/Site oficial do Grêmio

    Grêmio

    O Grêmio vai perder três jogadores que estavam emprestados até o fim desta temporada: o lateral-direito Rafael Galhardo, que pertence ao Vasco da Gama, o volante Rômulo, do Flamengo, e o atacante Felipe Vizeu, da Udinese, da Itália. Léo Moura, outro medalhão de 41 anos, ficou sem contrato e pode assinar de graça com outra equipe. O assédio europeu sobre Everton Cebolinha pode se intensificar nas próximas semanas. Leia mais

  • Gabriel Machado/AGIF

    Athletico Paranaense

    Campeão da Copa do Brasil, o Athletico já perdeu o técnico Tiago Nunes para o Corinthians, viu Marco Rúben retornar para o Rosário Central e também deve perder Marcelo Cirino, em fim de contrato. O volante Bruno Guimarães está perto de ser contratado pelo Atlético de Madri e outros jogadores têm recebido sondagens frequentemente, como o atacante Rony. Leia mais

  • Bruno Ulivieri/AGIF

    São Paulo

    Apenas dois contratos terminam em dezembro: os empréstimos do goleiro Tiago Volpi e do lateral-direito Igor Vinícius. Mas nos dois casos o São Paulo já tem tudo amarrado para comprá-los. Na semana passada, chegou uma proposta do RB Leipizig, da Alemanha, pelo atacante Antony e o clube pode vendê-lo para colocar as contas em ordem após um ano de altos investimentos. Leia mais

  • Ricardo Duarte/Inter

    Internacional

    O lateral-direito Bruno, de 34 anos e passagens por Fluminense e São Paulo, fica sem contrato. Os colorados ainda têm emprestados em fim de contrato, como o atacante Tréllez, do São Paulo, o meia Galdezani, do Coritiba, e o zagueiro Emerson Santos, do Palmeiras. O clube ainda decidiu emprestar o zagueiro Fabio Alemão e o volante Ramon para o Bahia. A baixa mais importante é a venda do uruguaio Nico López para o Tigres, do México. Leia mais

  • Alan Morici/AGIF

    Corinthians

    O empréstimo do meia Régis, que pouco apresentou com a camisa do Timão, termina no fim de dezembro e o jogador deve voltar ao Bahia. Outro emprestado que não deve ficar é o zagueiro Manoel, que pertence ao Cruzeiro. Há ainda atletas que estavam emprestados a outros clubes e que agora ficarão sem contrato com o Corinthians: o lateral-direito Léo Príncipe (Paraná), os volantes Fellipe Bastos (Vasco) e Paulo Roberto (Fortaleza), os meias Marlone (Goiás), Guilherme (Fluminense) e Giovanni Augusto (Goiás) e os atacantes Lucca (Bahia) e Gabriel Vasconcelos (Oeste). Leia mais

  • Pedro Chaves/AGIF

    Fortaleza

    O elenco de 2019 contou com muitos jogadores emprestados, que ficam sem vínculo em dezembro. É o que acontece com os zagueiros Paulão e Roger Carvalho, os volantes Araruna e Paulo Roberto e os atacantes Edinho, Felipe Pires, André Luis, Matheus Alessandro e Kieza. Ficam sem contrato ainda o goleiro Felipe Alves, que já negocia uma renovação, e os volantes Derley e Romero. Leia mais

  • Heber Gomes/AGIF

    Goiás

    O risco de perder Michael, já procurado pelo Corinthians, é iminente. Os outros dois membros do ataque ainda ficam sem contrato, mas a diretoria se mexe para mantê-los. Rafael Moura gostaria até de ter resolvido esse entrave antes de sair de férias. No caso de Leandro Barcia, é preciso renovar o empréstimo ou comprá-lo do Nacional, do Uruguai. Leia mais

  • Vasco

    O clube negocia para manter o meia Guarín e o zagueiro Henríquez, além do técnico Vanderlei Luxemburgo, que ficam sem contrato no fim do mês. Por outro lado, deve abrir mão do volante Bruno Ritter e o meia Marquinho. Há ainda os empréstimos que terminam e não devem ser renovados: o goleiro Sidão (Goiás), os laterais Cáceres (Cerro Porteño) e Danilo Barcelos (Atlético-MG), o meia Valdivia (Internacional) e o atacante Clayson (Atlético-MG). Leia mais

  • Bruno Cantini/Divulgação/Atlético-MG

    Atlético-MG

    O técnico Vagner Mancini não fica para 2020. Também terminam os contratos do vitorioso volante Elias e do atacante Geuvânio, que não conseguiu repetir o bom desempenho dos tempos de Santos. Leia mais

  • LUCAS MERÇON/FLUMINENSE F.C.

    Fluminense

    Cobiçado por vários clubes brasileiros, o volante e lateral-esquerdo Caio Henrique deixará o Flu. O Atlético de Madri deve repassá-lo e o Grêmio é o favorito nessa concorrência. Terminam ainda os empréstimos do meia Guilherme, que pertence ao Corinthians, mas ficará livre no mercado, e dos atacantes Brenner (São Paulo) e Ewandro (Udinese). O experiente volante Airton e o atacante colombiano Yony González ficam sem contrato. Leia mais

  • Vitor Silva/SSPress/Botafogo

    Botafogo

    A diretoria ainda não definiu os planos para 2020 e ainda discute o que fazer com os oito jogadores que ficam sem contrato ou que, em tese, precisam voltar aos clubes de origem após um empréstimo. A lista tem o goleiro Diego Cavalieri, o lateral-esquerdo Gilson, os volantes Alan Santos e Jean, o meia Yuri e os atacantes Rodrigo Pimpão, Lucas Campos e Pachu. Leia mais

  • Bruno Baketa/AGIF

    Ceará

    Dois dos nomes de destaque no Brasileirão ficam sem contrato: o meia Thiago Galhardo e o atacante Felippe Cardoso. Galhardo até possui uma cláusula de renovação automática pela permanência na Série A, mas ainda estuda outras propostas. No caso de Felippe, não se sabe nem sequer se ele volta ao Santos.

  • Bruno Haddad/Cruzeiro

    Cruzeiro

    O empréstimo de Pedro Rocha termina neste mês e o atacante vai voltar ao Spartak Moscou, da Rússia. O clube tenta renovar os empréstimos Dodô (Sampdoria), Orejuela (Ajax) e Ezequiel (Botafogo) e negociar jogadores que estarão fora dos padrões para a disputa da Série B de 2020. É o que deve acontecer com o zagueiro Manoel, que passou esta temporada cedido ao Corinthians. Leia mais

  • Gabriel Machado/AGIF

    CSA

    Apodi foi o nome mais falado no CSA no ano e mesmo após deixar a lateral direita para ser atacante. Seu contrato termina agora e o destino mais provável é a Ponte Preta, para disputar o Campeonato Paulista. Leia mais

  • LIAMARA POLLI/AM PRESS & IMAGES/ESTADÃO CONTEÚDO

    Chapecoense

    Everaldo conseguiu figurar entre os artilheiros do Campeonato Brasileiro e a Chape até tem cláusula de opção de compra para tirá-lo de vez do Querétaro, do México. Mas com o rebaixamento para a Série B é improvável que o Verdão do Oeste faça esse investimento. Leia mais

Chegadas

  • Jhony Pinho/AGIF

    Palmeiras

    O Verdão, por enquanto, não fechou nenhuma grande contratação, até porque ainda precisa definir quem será seu treinador após a saída de Mano Menezes. De certeza, por enquanto, apenas o retorno de três jogadores que estavam emprestados: o goleiro Vinicius Silvestre, que jogou no CRB, o zagueiro Pedrão, do América-MG, e o atacante Artur, do Bahia.

  • Divulgação/Racing

    Internacional

    A diretoria tem tudo certo para contar com o técnico argentino Eduardo Coudet a partir de 2020. O treinador deve se despedir do Racing na próxima semana e já tem até um pedido de reforço perto de ser atendido: o volante Damián Musto, que estava no Huesca, da Espanha.

  • Alexandre Schneider/Getty Images

    Corinthians

    A contratação do técnico Tiago Nunes é a principal novidade por enquanto. Ele já pediu os retornos do zagueiro Pedro Henrique e do volante Araos, e ainda receberá o atacante Davó, que se destacou no Guarani. O volante Camacho, que assim como Pedro Henrique trabalhou com Nunes no Athletico Paranaense, tem boas chances de retornar. O clube também fez proposta por Michael, revelação do Goiás, e está atento à situação de Luan, do Grêmio.

Futebol