PUBLICIDADE
Topo

Esporte

D. Costa presenteia Guardiola em adeus e R. Augusto faz golaço na China

Do UOL, em São Paulo

23/05/2016 06h00

O fim de semana de futebol pelo mundo ficou marcado mais por grandes atuações de jogadores brasileiros do que por fatos negativos. Enquanto Douglas Costa definiu o título da Copa da Alemanha para o Bayern de Munique no adeus do técnico Pep Guardiola, Renato Augusto brilhou com um golaço e Kaká, com duas assistências.

Em contrapartida, o goleiro Helton (ex-Vasco, lembra dele?) fez lambança na final da Taça de Portugal e Lucas perdeu um gol feito para o PSG na final da Copa da França. Confira o sobe e desce dos jogadores brasileiros pelo mundo da bola na última semana.

Melhores

  • Douglas Costa define no adeus de Guardiola

    O meia-atacante brasileiro que deve ser titular de Dunga na Copa América centenário foi o principal destaque do Bayern de Munique na conquista da Copa da Alemanha contra o Borussia Dortmund. Douglas Costa foi a principal arma ofensiva do time de Guardiola, jogando bem pelos dois lados do campo, e converteu o pênalti que decidiu o título. Leia mais

  • Renato Augusto marca golaço

    O meio-campista é mais um convocado à Copa América centenário que foi bem no fim de semana. Renato Augusto fez um golaço para dar o empate ao Beijing Guoan contra o Shijiazhuang pelo Campeonato Chinês: chamou para o drible, limpou para a perna direita e acertou uma bomba no alto do gol. Saudades, corintiano? Leia mais

  • Kaká brilha como 'garçom'

    O meia brasileiro foi o principal responsável pela virada do Orlando City no finzinho sobre o Montreal Impact. Os canadenses abriram o placar com quatro minutos de jogo, mas Kaká deu suas assistências para decidir a vitória por 2 a 1. A primeira em cobrança de falta, que se transformou numa das principais jogadas do Orlando, e depois após bela jogada aos 41 minutos do segundo tempo. Leia mais

  • Neymar fecha a conta para o Barcelona

    O craque brasileiro não foi bem no primeiro tempo da final da Copa do Rei, mas se recuperou na parte final da decisão contra o Sevilla. Neymar chegou a simular uma falta, reclamar com a arbitragem e levar amarelo, mas foi a principal válvula de escape do time com um jogador a menos e ainda fechou a conta da vitória por 2 a 0 para dar o bicampeonato da Copa do Rei. Leia mais

  • AFP PHOTO / CRISTINA QUICLER

    Mariano brilha com caneta e título

    O lateral direito brasileiro que ganhou destaque no Fluminense foi um dos grandes nomes do Sevilla na conquista da Liga Europa. Após sair atrás contra o Liverpool, o time espanhol virou o jogo e venceu por 3 a 1, e Mariano teve grande participação no gol de empate. Ele arrancou pela direita, colocou entre as pernas de Alberto Moreno e cruzou na medida para Gameiro só empurrar às redes. Leia mais

Piores

  • CHRISTOPHE PETIT TESSON/EFE

    Lucas sai do banco e perde gol feito

    O meia-atacante brasileiro foi reserva mais uma vez no PSG na final da Copa da França contra o Olympique de Marselha e desperdiçou a grande chance que teve quando entrou em campo. Lucas saiu do banco aos 15 minutos do segundo tempo e perdeu um gol feito no fim do jogo. O jogador revelado no São Paulo driblou o goleiro e, mesmo livre, chutou para fora. Leia mais

  • Helton faz lambança em final

    O goleiro brasileiro fez uma tremenda lambança na final da Taça de Portugal, perdida pelo Porto nos pênaltis contra o Praga após empate em 2 a 2 no tempo normal. No primeiro gol do rival, Helton saiu do gol precipitadamente, se atrapalhou com seu zagueiro e acabou encoberto por Rui Fonte, que só completou de cabeça para o barbante. Leia mais

  • Reuters / Eddie Keogh Livepic

    Firmino vai mal e é substituído

    O atacante brasileiro do Liverpool foi mal na final da Liga Europa contra o Sevilla, que terminou com a vitória de virada por 3 a 1 e título dos espanhóis. Roberto Firmino jogou mal, não conseguiu se encontrar em meio à marcação e acabou substituído no início do segundo tempo pelo técnico Jurgen Klopp. Não criou nem aproveitou praticamente nenhuma chance de gol na partida. Leia mais

  • Ruben Sprich/Reuters

    Coutinho dá azar e ajuda rival

    O meia-atacante convocado à Copa América também foi mal na derrota do Liverpool para o Sevilla na Liga Europa. Philippe Coutinho esteve longe de ser decisivo, com dificuldade de criar jogadas que levassem perigo à meta rival. Além disso, deu azar num lance capital da partida: ele desarmou um jogador do Sevilla, mas a bola sobrou para Coke fechar a conta em 3 a 1. Leia mais

Esporte