Topo

Cultura e lazer

Viva a cidade. Saboreie experiências.


Cultura e lazer

Saudável e saborosa: conheça a culinária vietnamita sem sair de São Paulo

Cha Gio, rolinho primavera assado com mix de legumes e alface, do Miss Saigon - Divulgação
Cha Gio, rolinho primavera assado com mix de legumes e alface, do Miss Saigon Imagem: Divulgação

Isabela Marinho

Colaboração para o Urban Taste, em São Paulo

14/01/2019 04h00

A cozinha vietnamita vem conquistando fama por ser considerada uma das mais saudáveis do mundo, além de muito saborosa. Embora tenha muita influência das culinárias francesa, chinesa e tailandesa (dá para perceber isso pelos nomes dos pratos), a gastronomia do Vietnã tem elementos específicos nos ingredientes que a torna muito característica. 

Capim limão, carne de porco, jaca, legumes, gengibre, manjericão, hortelã e coentro se repetem em muitos pratos, mas isso não faz com que a comida seja pouco criativa. Quem passeia pelas ruas de Hanói pode se perder facilmente pelas várias barraquinhas com sabores diversos. Há até guias turísticos no local apenas com a função de apresentar aos viajantes os pratos característicos do país. 

Não é necessário cruzar o Oceano para saber que a comida vietnamita é boa. Listamos três restaurantes em São Paulo com pratos deliciosos para você conhecer um pouquinho desta culinária. Confira!

Bia Hoi SP

O Bia Hoi segue a tradição dos botecos de Hanói, capital do Vietnã, onde a regra é servir petiscos deliciosos e cerveja gelada em um ambiente simples e descontraído. O nome já diz tudo: Bia é cerveja em vietnamita. Hoi é gás. Bia Hoi se traduz como "cerveja fresca" e é também o nome dado às choperias que vendem a bebida no Vietnã. O menu do primeiro vietpub do Brasil oferece clássicos da comida de rua de Hanói e criações próprias da chef Dani Borges. Tem entradas como o Banh Bot Loc (R$ 26), dumpling (foto acima) de tapioca recheado com carne de porco moída e camarão, servido ao molho vietnamita picante e doce e salpicado de cebola crocante. O aperitivo também pode vir na versão vegana, com recheio de legumes e especiarias (R$ 24). Ainda na lista das entradas, há opções exóticas como Tuy Xuong Bo (R$ 19), um tutano de boi assado com nuoc mam (molho de peixe), servido com vinagrete de capim limão, coentro e pimenta dedo de moça.

Entre os pratos principais, os destaques são o Da Nang (R$ 60), cozido de frutos do mar e barriga de porco com capim limão, e o Vit Khói (R$ 55), peito de pato defumado e curado com especiarias, servido num aromático molho de caramelo de anis. Para o verão, as saladas podem ser uma boa pedida: a Ca Tim Nuong (R$ 26), berinjela defumada servida com molho vietnamita, pimenta dedo de moça e mix de ervas; a Nom Hoa Chuoi (R$ 32), flor de bananeira com broto de feijão, repolho e cenoura temperada ao molho de capim limão; e a Goi Tom (R$ 39), camarão puxado no molho nuoc mam, acompanhado por mix de repolho, cenoura, nabo, broto de feijão, cebola fatiada e ervas aromáticas temperadas com molho de peixe.

Para a sobremesa, fazem sucesso opções como o Brûlée de Jaca (R$ 18), tradicional doce francês feito com a inusitada jaca, e o Che (R$ 18), uma sopa fria de tapioca, coco, compota de banana e molho de hortelã. Para beber, o Gin Tônica Hanói, com infusão de capim limão (R$ 28).
 
Vai lá:
Rua Rêgo Freitas, 516, Vila Buarque, São Paulo.
Terça a sexta, das 12h às 14h30 e das 19h às 23h.
Sábado, das 12h às 23h30.
Domingo, das 12h30 às 17h.
Telefone: (11) 3151-2508

Miss Saigon Vietnamese Food

O primeiro restaurante vietnamita do Brasil foi inaugurado em 2013. Focado na culinária típica do sul do Vietnã, o Miss Saigon prima pelo mínimo de óleo e abusa do uso de ervas e especiarias. Para entrada, a sugestão é o Mix Miss Saigon (R$ 84), que vem com quatro variedades da região: rolinho primavera nas versões assada e natural, bastões de carne e bastões de frango envoltos em talos de erva-cidreira, todos acompanhados do molho especial da casa (foto acima).

Entre as iguarias servidas na casa está o Cha Gio (R$ 47), rolinho primavera assado com mix de legumes e alface, nas opções frango ou porco. Acompanha molhos agridoce e de peixe com legumes em conserva. Para o verão, a sugestão é a Goi Du Du Hai San (R$ 35), saladinha de mamão papaya verde com lula, camarão e mix de legumes. Acompanha mandiopan (salgadinho feito à base de mandioca) e molho de peixe especial da casa. Para os fãs de frutos do mar, as dicas são o Camarão do Chef Miss Saigon (R$ 195): camarão rosa grande com ou sem casca, à moda vietnamita, acompanhado de molho especial da casa; e o Muc Chien Xu (R$ 45): anéis de Lula frita com molho especial da casa.

Vai lá:
Alameda dos Jurupis, 1374, Moema, São Paulo.
Terça a quinta, das 18h às 22h30.
Sexta e sábado, das 12h às 16h30 e das 18h às 22h30.
Fechado aos domingos.
Telefone: (11) 4564-1419

Cochinchine

Da mesma dona do Bia Hoi São Paulo, o recém-inaugurado Cochinchine veio fazer um contraponto ao clima mais descontraído do vietpub, destacando a influência da gastronomia francesa na tradicional comida vietnamita. A chef Dani Borges apresenta neste local criações mais sofisticadas, que não cabiam no clima de bar do Bia Hoi, com pratos de várias regiões do Vietnã. Entre as entradas, destacam-se o VietTartar (R$ 39), versão do tradicional Tartar francês que leva patinho de angus picado na ponta da faca com especiarias, molho de peixe e chips de raiz de lótus; o So Diep (R$ 45), porção de leves e refrescantes vieiras grelhadas no creme de ervilhas e gengibre (R$ 45); e o BahnBeo (R$ 34), uma panquequinha de farinha de arroz e tapioca (foto acima) bastante comum na cidade de Hue, na região central do Vietnã.

Entre os pratos principais estão Cha Ca  (R$ 70), - peixe do dia grelhado, servido com macarrão de arroz em molho de gengibre e
cúrcuma e vinagrete de capim limão, salpicado com amendoim torrado e cebolinha. Há também o ThitKhoTo (R$ 56), um suculento stinco de porco (ou junta de porco, prato conhecido na França como jarret) que se desmancha, servido sobre um molho de leite de coco queimado e acompanhado de arroz branco. Outra opção é o Bo KhoChanh (R$ 68), corte alto de alcatra marinado em capim limão, defumado e grelhado, acompanhado de salada de acelga no vapor e vinagrete de capim limão. Para os veganos, uma boa pedida é o Ca Ri Chay (R$ 45): a versão vietnamita do curry tem uma pegada mais ácida e leva legumes, pimenta, tamarindo, folhas de limão e cúrcuma.

O restaurante também contempla drinques variados, criados pelo mixologista Rafael Mariachi, com destaque para o HanoiMule, (R$ 34), que leva vodca, limão, eucalipto e gengibre; e a Jaca Amiga (R$ 33), versão do tradicional Caju Amigo com a fruta originária do Vietnã.

Vai lá:
Rua Haddock Lobo, 1002, Jardim Paulista, São Paulo.
Sexta, das 12h às 15h e das 19h30 às 23h30.
Sábado, das 12h às 17h e das 19h30 às 23h30.
Domingo, das 12h30 às 17h30.
Telefone: (11) 3063-0718

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Cultura e lazer