PUBLICIDADE
Topo

Cultura e lazer

Viva a cidade. Saboreie experiências.


Cultura e lazer

Sem veneno: Feiras de orgânicos que você precisa conhecer em São Paulo

Cesta de alimentos orgânicos - Getty Images
Cesta de alimentos orgânicos
Imagem: Getty Images

Fernanda Carpegiani

Colaboração para o Urban Taste, em São Paulo

25/07/2018 04h00

Dizem por aí que alimentos orgânicos são muito mais caros do que os convencionais. No país que mais consome agrotóxicos no mundo, essa discussão é tão polêmica quanto necessária. Sim, os produtos sem veneno têm um valor mais alto, por inúmeras razões, que vão desde a falta de incentivo fiscal até cuidados específicos no cultivo. O que nem todo mundo sabe é que dá para comprar orgânicos pela metade do preço do supermercado. É só falar direto com o produtor.

Um levantamento da Rede Brasileira de Grupos de Consumo Responsável mostrou que a mesma cesta de orgânicos é 50% mais barata em feiras especializadas do que nos supermercados.

Veja também:

A boa notícia é que existem muitas formas de se aproximar dos produtores orgânicos e diminuir o custo dessa compra. Uma delas é participar de grupos de consumo responsável ou da rede Comunidade que Sustenta a Agricultura (CSA). Isso sem contar as feiras, estabelecimentos e serviços de entrega de cestas em casa.

O Sítio A Boa Terra foi um dos primeiros a fazer isso em São Paulo e hoje divide o mercado com dezenas de produtores e iniciativas como a Komborgânica, que tem diversos fornecedores e recebe pedidos por WhatsApp nas quatro regiões da capital.

A Associação de Agricultura Orgânica disponibiliza no seu site uma lista de lugares para comprar orgânicos, incluindo contatos de produtores que entregam em casa. Outra fonte interessante é o Mapa de Feiras Orgânicas do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), com endereços de todo o Brasil.

Como opção é o que não falta, selecionamos cinco feiras de orgânicos em São Paulo que vale a pena visitar:

Divulgação
Imagem: Divulgação
 Instituto Chão

O Chão é uma associação sem fins lucrativos que prega e pratica a economia solidária. Eles têm vários fornecedores parceiros e vendem os produtos a preço de custo. As contas são abertas e ficam bem visíveis em uma lousa grande próxima ao caixa. Na hora de pagar, você pode escolher se quer incluir a taxa de 30 a 35% para cobrir os custos do instituto, como aluguel e funcionários. Outro atrativo é a variedade, que inclui laticínios, cogumelos, palmito, sorvetes, açaí, grãos, produtos processados, de mercearia, higiene pessoal e limpeza. Também há um café delicioso com ótimo custo benefício.

Vai lá:
Rua Harmonia, 123, Vila Madalena.
Segunda a sábado, das 8h às 14h.
Telefone: (11) 3533-0907

Luiz Prado / Divulgação
Imagem: Luiz Prado / Divulgação
Feira do Produtor Orgânico da AAO

Além de ser a maior e mais antiga feira de orgânicos de São Paulo, desde 1991, é gerida por uma das principais organizações do setor, a Associação de Agricultura Orgânica (AAO). E tem de tudo: grãos, pães, bebidas, laticínios, ervas e temperos em vasinhos ou em maço e, claro, uma grande variedade de frutas, legumes e hortaliças. Também dá para tomar café da manhã na banquinha orgânica que fica ao lado da entrada da feira.

Vai lá:
Avenida Francisco Matarazzo, 455, Água Branca.
Terça-feira, sábado e domingo, das 7h às 12h
Telefone: (11) 3875-2625

Divulgação
Imagem: Divulgação
Feira de Produtos Orgânicos do Shopping Villa Lobos

Organizada pela AAO em parceria com o shopping, é bem completa e inclui barraquinhas de massas frescas, sorvete e até flores comestíveis. O ideal é fazer as compras logo cedo, porque o estacionamento tem preço reduzido, custa R$ 2 até as 10h. Aproveite para conhecer a horta comunitária do shopping, que fica no Pergolado, no estacionamento externo.

Vai lá:
Avenida das Nações Unidas, 4.777, Alto de Pinheiros.
Sábado, das 8h às 13h.
Telefone: (11) 3024-3738

Divulgação
Imagem: Divulgação
Feira de Orgânicos do Tatuapé

Depois de muitos pedidos dos moradores da região, o Tatuapé ganhou uma feira orgânica para chamar de sua em 2016. Desde então, ela reúne feirantes bem variados. São 20 barracas que vendem de legumes e verduras a cosméticos, e conta com uma substituta saudável do pastel de feira, a crepioca, feita na hora com ingredientes fresquinhos.

Vai lá:
Rua Eleonora Cintra, 1300, Tatuapé (no estacionamento ao lado do CERET - Centro Esportivo, Recreativo e Educativo do Trabalhador).
Terça-feira, das 7h às 13h.
Mais informações no Facebook.

Divulgação
Imagem: Divulgação
Feira de orgânicos da Mooca

Na Mooca também tem orgânico, bello! Apesar de pequena, a feira é bem variada e junta barracas de produtos veganos a outras com carnes, coxinha, kibe e esfiha. Pausa necessária para tomar um picolé orgânico com sabores super inusitados, como arroz doce, mandioca com coco e maracujá com couve, da Policarpo Orgânicos.

Vai lá:
Rua dos Trilhos esquina com a Rua Bresser, Mooca.
Sexta-feira, das 7h às 13h.

Cultura e lazer