Baixa pressão, extrai colesterol e reduz ansiedade: os benefícios do coentro à saúde

Por Samantha Cerquetani

Amado ou odiado, o coentro é uma erva com sabor marcante, amplamente utilizada na culinária nordestina, indiana e mexicana.

Jennifer Borja / EyeEm

Rico em vitaminas A, B e C, cálcio, ferro, fósforo, magnésio e potássio, o coentro oferece propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes.

Istock

Com apenas 5 calorias em 10g de folhas cruas, o coentro é uma opção leve. O coentro desidratado, na mesma quantidade, possui 29 calorias.

Getty Images

O consumo regular contribui para a saúde cardíaca, reduzindo fatores de risco como pressão alta e colesterol LDL, além de auxiliar na redução do uso de sal nas refeições.

iStock

Fonte de antioxidantes, como vitaminas A e C, o coentro fortalece o sistema imunológico, protegendo contra danos causados por radicais livres.

iStock

Propriedades anti-inflamatórias e vitaminas do complexo B, especialmente tiamina, contribuem para a proteção cerebral, incluindo a redução de estresse e ansiedade.

iStock

Com pequenas quantidades de fibras, o coentro estimula o movimento intestinal, ajudando na prevenção da prisão de ventre.

iStock

Reconhecido desde a antiguidade por aliviar desconfortos gastrointestinais, como gases, má digestão e náuseas.

iStock

Os antioxidantes presentes no coentro ajudam a prevenir danos celulares, contribuindo para a prevenção do envelhecimento precoce e proteção solar.

iStock

Propriedades do coentro auxiliam na diminuição da glicemia, sendo benéfico para quem tem diabetes, quando associado a uma alimentação saudável.

iStock

Geralmente seguro, o coentro pode causar reações alérgicas em casos de hipersensibilidade. Seu consumo moderado é indicado.

iStock

Com aroma refrescante, o coentro combina com peixes, frutos do mar, frango, legumes e pode ser usado em infusões. As sementes são ideais para temperar marinadas.

Ribeiro Rocha/Getty Images/iStockphoto

Não há uma quantidade específica recomendada, mas uma colher (sopa) por dia é suficiente para usufruir dos benefícios.

Jennifer Borja / EyeEm

A aversão ao coentro pode ser genética, relacionada a um gene chamado OR6A2, afetando a percepção dos compostos químicos da erva e causando sensibilidade ao seu aroma.

Getty Images

Para mais informações e dicas de saúde como essa, acesse VivaBem.

iStock
Publicado em 11 de dezembro de 2023.