6 hatches médios 0 km que ainda valem a pena

Por Felipe Carvalho

Nos primeiros cinco meses do ano, menos de 500 hatches médios foram emplacados, mostrando a queda de popularidade desta categoria.

Divulgação

Os SUVs, responsáveis pela queda das peruas e sedãs médios, também estão eliminando os hatches médios.

Divulgação

O mercado tem preferido SUVs, mesmo sem refinamentos, em detrimento dos hatches médios mais confortáveis e potentes.

Divulgação

O mercado de carros usados ainda oferece boas opções para quem prefere hatches médios, que são mais refinados e confortáveis.

Reprodução

Ford Focus: O Focus, embora tenha problemas com o câmbio Powershift, é uma opção acessível com preços entre R$ 60 mil e R$ 70 mil para os modelos 2018 e 2019. As versões manuais são menos problemáticas.

Divulgação

Hyundai i30: Fora do mercado desde 2016, o i30 pode ser encontrado a preços mais acessíveis entre R$ 50 mil e R$ 65 mil para os modelos 2013 a 2015.

Divulgação

Volkswagen Golf: O último ano do Golf foi 2020. Os modelos mais comuns de 2018 têm preços entre R$ 96 mil e R$ 119 mil. A versão com motor 1.6 aspirado de 2016 é uma opção interessante com tabela Fipe de R$ 75 mil.

Divulgação

Fiat Bravo: O Bravo, com o motor 1.4 turbo e câmbio manual, é uma opção interessante. Os modelos T-Jet têm tabela Fipe de R$ 63 mil, enquanto as versões com motor 1.8 aspirado variam entre R$ 44 mil e R$ 55 mil.

Rubens Cavallari/Folhapress

Peugeot 308: O 308, desvalorizado, oferece um excelente custo-benefício. Os modelos de 2019, com motor 1.6 turbo e câmbio automático, custam cerca de R$ 60 mil.

Divulgação

Chevrolet Cruze Sport6: O Cruze Sport6, ainda disponível em versão zero-quilômetro por cerca de R$ 170 mil, é melhor opção como usado. O modelo 2020 tem tabela Fipe de R$ 114 mil, oferecendo mais valor em comparação ao SUV Tracker.

Divulgação

Para saber mais, acesse UOL Carros.

Divulgação
Publicado em 14 de junho de 2024.