Ozempic pode alterar paladar e percepção do gosto de doces, diz estudo

Por VivaBem

Durante a reunião anual da Edocrine Society, ENDO 2024, foi apresentado um estudo que indica que a semaglutida, princípio ativo do Ozempic e Wegovy, pode alterar a percepção do paladar.

iStock

"Pessoas com obesidade muitas vezes percebem os sabores de forma menos 'intensa' e têm um desejo inerentemente elevado por alimentos doces e ricos em energia", disse Mojca Jensterle Sever, médica do Centro Médico Universitário em Ljubljana, Eslovênia.

iStock

Tendo isso em vista, Sever e sua equipe optaram por investigar as repercussões da semaglutida na percepção do paladar.

iStock

Os pesquisadores designaram aleatoriamente uma amostra de 30 mulheres com IMC médio de 36,4 para receber 1 mg de semaglutida ou placebo.

iStock

O grupo que usou o medicamento experimentou mudanças na percepção do paladar, na expressão genética das papilas gustativas e na atividade cerebral em resposta a estímulos de sabor doce.

Getty Images/EyeEm

Sever indica que é provável que os profissionais de saúde façam uma correlação entre as descobertas e as observações de seus pacientes a respeito de alterações na preferência por determinados alimentos e na sensação de saciedade.

iStock

Apesar das conclusões, a pesquisa se concentrou em um único sabor, em um contexto experimental, o que pode não corresponder à realidade do dia a dia.

iStock

A interpretação do gosto pode ter uma grande variação de pessoa para pessoa, o que dificulta a aplicação dos resultados a todos.

Divulgação

Além disso, o sequenciamento de mRNA possui suas próprias limitações e não reflete diretamente as mudanças nos níveis ou na atividade da proteína.

iStock

A cientista Mojca Sever afirma que pesquisas subsequentes determinarão se as mudanças no paladar estão ligadas à eficácia da semaglutida no combate à obesidade.

iStock

A semaglutida simula a ação do GLP-1, hormônio produzido no intestino que regula a glicemia e as respostas da saciedade. Por isso é usado para diabetes e emagrecimento.

iStock

Devido às suas características, o fármaco deve ser comercializado sob receita médica.

Getty Images

Esse medicamento é considerado seguro, mas é importante que você faça o uso racional dele, ou seja, utilize-o de forma apropriada, na dose certa e pelo tempo estabelecido pelo seu médico.

iStock
Publicado em 12 de junho de 2024.