Barata tem cheiro? Mutação genética é detalhe que define quem sente ou não

Por VivaBem

A barata, uma das pragas urbanas mais temidas e repugnantes, causa alguns questionamentos sobre suas características e comportamentos.

Lmbuga/Wikimedia Commons

Entre as dúvidas frequentes sobre o inseto, uma das mais intrigantes é se ele tem algum tipo de odor característico.

panida wijitpanya/Getty Images/iStockphoto

Afinal, algumas pessoas garantem sentir quando há algum deles no ambiente, enquanto outras não percebem o cheiro.

iStock

O segredo está no DNA - o nosso, não o delas. Então, sim, barata tem cheiro. Porém, ele é sentido apenas por algumas pessoas.

iStock

O motivo que faz com que apenas algumas pessoas sintam o cheiro das baratas é específico: quem percebe esse odor tem um gene que codifica um quimiorreceptor que identifica a trimetilamina, ou TMA.

iStock

A trimetilamina é uma molécula característica do cheiro da barata ? e também do cheiro de comida podre e peixe em decomposição, por exemplo.

Eike Karits/3436 Images

Pessoas que têm esse gene sentem o cheiro de barata. Já aqueles que não conseguem senti-lo, têm uma mutação nesse gene específico, que o inativa.

Getty Images

Um estudo publicado no periódico Proceedings of the National Academy of Sciences e divulgado pela revista Galileu em 2019 reforça que as pessoas sentem cheiros distintos de acordo com o DNA.

panida wijitpanya/Getty Images/iStockphoto

Ou seja, o código genético tem impacto em como cada um percebe ? ou não ? determinados odores, como é o caso das baratas.

Erik Karits/ Pexels

Mudanças pequenas em um gene para um receptor podem mudar a forma dele e como ele se encaixa, mudando a percepção que o odor possui.

iStock

Além disso, segundo a BBC, outra razão pela qual as baratas têm um cheiro específico é porque elas armazenam resíduos nitrogenados, como por exemplo o ácido úrico.

Lmbuga/Wikimedia Commons

E você, sente cheiro de barata?

iStock
Publicado em 09 de fevereiro de 2024.