Rendimento baixo

Reforços do São Paulo do começo da temporada não conseguem emplacar no time

Por Do UOL, em São Paulo (SP)

No início da temporada, o São Paulo foi um dos times que mais buscou peças para reforçar o seu elenco. Na primeira janela foram sete contratações, e mais duas no meio da temporada (Gabriel Neves e Jonathan Calleri).
Reprodução/São Paulo
O problema é que desses sete primeiros que chegaram, apenas dois são titulares absolutos e confirmaram a expectativa criada pelo torcedor: o zagueiro Miranda e o atacante Emiliano Rigoni.
GIPHY
O jogador argentino, aliás, é o atleta em que todo são-paulino coloca suas esperanças para uma subida na tabela do Brasileirão. Em 27 partidas pelo São Paulo na temporada, Rigoni marcou 11 gols e 5 assistências.
Dinho Zanotto/AGIF
O UOL Esporte listou as contratações do São Paulo do início da temporada que não vivem bom momento e até deixaram o clube, explicou o momento de cada um no plantel e os números com a camisa do Tricolor. Confira:
Fellipe Lucena/saopaulofc

Orejuela

O lateral direito colombiano chegou ao Morumbi para ser uma peça no banco de reservas. No entanto, ele estava lesionado quando contratado, não conseguiu emplacar uma boa sequência de jogos e agora está em fase final de recuperação de um estiramento na coxa esquerda.
Erico Leonan/São Paulo FC
8 jogos
1 gol
1 assistência
Alexandre Schneider/Getty Images

Éder

O atacante de 34 anos é outro atleta que não chegou ao São Paulo 100% fisicamente. Recuperado, ele fez boas partidas pela Copa do Brasil e Campeonato Paulista. No entanto, deixou de ser utilizado por Crespo e virou 6ª opção no ataque do Tricolor paulista.
Marcello Zambrana/AGIF
24 jogos
5 gols
2 assistências
BENONIAS CARDOSO/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

William

O meio-campista que estava no futebol mexicano foi a contratação do time paulista que os torcedores menos entenderam. E dentro de campo também não fez sentido, o jogador atuou em apenas 9 partidas desde o início da temporada, não marcou nenhum gol, não deu nenhuma assistência e foi expulso em um jogo contra o Racing pela Libertadores.
Divulgação/São Paulo

Benítez

Durante o Paulistão, o meia argentino impressionou alguns são-paulinos com o futebol apresentado. Porém, o bom momento não seguiu na temporada. Ele viu do banco de reservas a eliminação do São Paulo para o Palmeiras nas quartas da Libertadores e tem sido preterido por Crespo por falta de ritmo de jogo.
Staff Images / CONMEBOL
29 jogos
3 gols
5 assistências
Marcello Zambrana/AGIF

Bruno Rodrigues

O atacante chegou por empréstimo ao São Paulo, jogou apenas sete partidas (sem nenhum gol) e, sem espaço com Crespo, deixou o clube. Ele se transferiu para o Famalicão, que disputa a elite do futebol português. O Tricolor paulista ainda tem opção de compra no atleta após o fim da passagem pelo Velho Continente.
Erico Leonan / saopaulofc
Publicado em 05 de outubro de 2021.