Suga açúcar do sangue, reduz a fome e hidrata: 11 benefícios da tangerina à saúde

Por Samantha Cerquetani

Tangerina ou mexerica? Não importa como você chama essa fruta, o importante é incluí-la na dieta. Isso porque ela tem pelo menos 11 benefícios incríveis à saúde! Confira a seguir.

iStock

Prevenção do Envelhecimento Precoce: A vitamina C, fibras e propriedades antioxidantes da tangerina auxiliam na manutenção da juventude celular, combatendo radicais livres.

iStock

Redução de Inflamações: O consumo regular de tangerina, rica em vitamina C, diminui inflamações no organismo, evitando reações desnecessárias de oxidação.

iStock

Alívio da Prisão de Ventre: A alta quantidade de fibras na tangerina acelera a digestão, eliminando resíduos e aliviando a constipação.

iStock

Aumento da Imunidade: O consumo frequente fortalece as defesas do organismo, tornando-o mais resistente a infecções como gripes e resfriados, graças à vitamina C.

Getty Images/iStockphoto

Proteção contra Doenças Hepáticas: O suco de tangerina melhora a função hepática, auxiliando no processamento de nutrientes e, segundo estudos, prevenindo o câncer de fígado.

iStock

Prevenção da Anemia: Contribui para afastar a anemia, facilitando a absorção de ferro, especialmente quando consumida com alimentos ricos no mineral.

iStock

Aumento da Saciedade: Rica em fibras, a tangerina promove saciedade duradoura, reduzindo a fome e a necessidade de consumo frequente.

iStock

Melhoria do Desempenho nas Atividades Físicas: Com alta hidratação e minerais como fósforo, cálcio e magnésio, a tangerina auxilia na reposição de líquidos e previne dores após exercícios.

Getty Images

Diminuição do Risco de Doenças do Coração: O consumo reduz o risco de aterosclerose, protegendo contra acúmulo de gordura nas artérias e doenças cardiovasculares.

iStock

Proteção contra Diabetes: Pesquisas indicam que a tangerina ajuda a controlar a glicemia, contribuindo para a prevenção do diabetes.

iStock

Redução do Colesterol: Um flavonoide encontrado nas cascas de frutas cítricas, incluindo a tangerina, pode reduzir o colesterol, segundo estudo.

iStock

O ideal é consumir a tangerina in natura para preservar melhor os nutrientes, evitando sucos processados. Consumir as partes brancas da fruta, ricas em fibras, para benefícios intestinais e redução da absorção de açúcar.

iStock

Para mais informações, acesse VivaBem.

iStock
Publicado em 04 de dezembro de 2023.