UOL esporte

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/copa-2014/ultimas-noticias/2011/12/01/ronaldo-nao-ve-conflito-de-interesses-e-vai-conciliar-9ine-e-comite.htm
  • Ronaldo não vê conflito de interesses e vai conciliar 9ine e Comitê
  • 17/11/2019
  • UOL Esporte - Futebol
  • UOL Esporte
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
Mesmo na organização da Copa, Ronaldo vai manter o seu cargo na 9ine

Mesmo na organização da Copa, Ronaldo vai manter o seu cargo na 9ine

01/12/2011 - 12h34

Ronaldo não vê conflito de interesses e vai conciliar 9ine e Comitê

Do UOL Esporte
Em São Paulo

Ronaldo seguirá sua vida de empresário normalmente, mesmo com um cargo no Conselho Administrativo do Comitê Organizador da Copa do Mundo de 2014. Questionado sobre um suposto conflito de interesses com suas atividades atuais, ele negou e disse que vai se manter no comando da agência 9ine. 

"Não vou me licenciar da 9ine, a minha vida vai continuar normal, mas com muito tempo pensando no Comitê. Não há nenhum tipo de conflito de interesses. Não sou mais influente no conselho de administração do COL do que era ontem. Não houve nenhuma porta que eu bati que não foi aberta. Todo o dinheiro que ganhei jogando futebol e com a minha imagem", resumiu Ronaldo, sem entrar em detalhes sobre seus acordos pessoais. 

Desde que o ex-jogador disse "sim" a Ricardo Teixeira, vários contratos de publicidade do Fenômeno foram lembrados para mostrar quais conflitos sua escolha para o Comitê poderia gerar. Ronaldo é, por exemplo, patrocinado pela operadora de telefonia celular Claro, concorrente da Oi, patrocinadora da Copa do Mundo de 2014, com quem ele vai ter de negociar e para quem pode ter de fazer propaganda. 

Além disso, ele também tem contrato com a Ambev e faz propaganda da cerveja Brahma e do Guaraná Antarctica. A gigante do ramo de bebidas é parceira oficial da Fifa para cervejas, mas é a concorrente Coca-Cola quem tem contrato com a Copa do Mundo. A própria 9ine gera dúvidas. 

A agência, que saiu do papel neste ano, tem contrato de desenvolvimento de imagem com atletas como Neymar e Leandro Damião, mas também faz a intermediação entre empresas e clubes, como no acordo do Flamengo com a Procter & Gamble. Luís Álvaro de Oliveira Ribeiro, presidente do Santos, chegou a dizer, em entrevista à Folha de S. Paulo, que Ronaldo agiu como empresário no episódio da negociação de Neymar, tentando levá-lo ao Real Madrid. 

Ronaldo ignorou todas essas questões e vai manter a jornada dupla. Não vai receber, no entanto, pelo trabalho no Comitê. "No conselho, tem no contrato social uma remuneração. Adianto a vocês que eu abro mão, conversando com o Ricardo [Teixeira]. Meu compromisso é com o povo. Fazer com que seja o maior evento de todos os tempos, deixando o brasileiro muito orgulhoso", disse o ex-jogador. 

 

COM A PALAVRA, RONALDO

A ESCOLHA
Pensei bastante, cheguei à conclusão que não tinha nada a ganhar, só tinha a perder. Mas a minha ambição é de que as pessoas se aproximem.
INFLUÊNCIAS
No comitê, não tenho nada a ver com a seleção brasileira, nem com escolha de jogadores, independente da minha amizade com o Mano e com o Andrés.
CARREIRA DE EMPRESÁRIO
Não vou me licenciar da 9ine, minha vida vai continuar normal. Não há nenhum tipo de conflito de interesses.
REMUNERAÇÃO
No conselho, tem no contrato social, uma remuneração. Adianto a vocês que eu abro mão, conversando com o Ricardo. Meu compromisso é com o povo.
RELAÇÃO COM TEIXEIRA
Nossa relação é a melhor possível. Aquela pequena briga foi um momento isolado. Eu e a mulher brigamos toda hora, e nem por isso deixo de amá-la.
MOMENTO DELICADO?
Não há crise. Há muita desinformação. E picuinhas. Todo o cronograma está sendo seguido normalmente.
PRIORIDADES
Não faz Copa do Mundo com hospital. Tem que ter estádio. Tem que ver o que vocês querem. Muitos estádios estão sendo financiados pelo BNDES.
O LEGADO
O legado fará o nosso povo se sentir orgulhoso de pagar imposto, realmente vão ser feitas coisas importantes.

Placar UOL no iPhone