UOL esporte

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/copa-2014/ultimas-noticias/2011/09/10/com-obras-avancadas-belo-horizonte-desbanca-o-rj-e-fica-com-evento-dos-mil-dias-da-copa.htm
  • Com obras avançadas, Belo Horizonte desbanca o RJ e fica com 'evento dos mil dias' da Copa
  • 20/10/2021
  • UOL Esporte - Futebol
  • UOL Esporte
  • @UOLEsporte #UOL
  • 2
Tamanho da letra
Obras do Mineirão já estão mais de 30% concluídas, segundo cronograma inicial

Obras do Mineirão já estão mais de 30% concluídas, segundo cronograma inicial

10/09/2011 - 07h00

Com obras avançadas, Belo Horizonte desbanca o RJ e fica com 'evento dos mil dias' da Copa

Ricardo Perrone e Thales Calipo
Em São Paulo

A “Guerra Fria” entre as cidades-sede para ter mais destaque no cronograma da Copa do Mundo teve um novo capítulo. Belo Horizonte conseguiu superar o Rio de Janeiro e irá sediar o evento que marcará os mil dias para o início do Mundial de 2014. A festa, que contará com a presença da presidente Dilma Rousseff, acontecerá nesta sexta-feira, em horário ainda a ser definido.

Obras para a Copa de 2014
Obras para a Copa de 2014

Segundo o UOL Esporte apurou, apesar do discurso defendendo a divisão de eventos entre as cidades, a Fifa tinha a predisposição de realizar o evento novamente no Rio de Janeiro, que recentemente sediou o sorteio preliminar para a Copa do Mundo de 2014. Porém, com a greve dos trabalhadores do Maracanã, ficou decidido que a capital fluminense estava descartada, já que o fato poderia causar um impacto negativo.

Belo Horizonte, então, surgiu como a opção mais viável por, justamente, ser uma propaganda positiva do Mundial. Pessoas ligadas à organização do evento apontam que as obras avançadas de infraestrutura e do próprio Mineirão contribuíram para que a capital mineira recebesse este evento, que será realizado pelo governo federal em parceria com a Fifa.

Dos oito projetos de melhorias na rede de transportes, por exemplo, todos foram aprovados e já estão incluídos no PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) que contempla obras relacionadas ao Mundial.

Toda a programação do evento ainda está sendo montada, mas já é certo que, além da presidente Dilma Rousseff, o ministro Orlando Silva Jr também estará presente. A expectativa é que Pelé – que é embaixador honorário do Mundial - vá a Minas Gerais, caso consiga espaço na sua agenda. A Fifa e o COL não confirmaram se o presidente Ricardo Teixeira ou autoridades da entidade máxima do futebol estarão em Belo Horizonte.

Além disso, o evento marcará a inauguração de um relógio, que será instalado na praça da Liberdade, e fará a contagem regressiva para o início da Copa do Mundo. Outras cidades-sede devem ter apetrecho semelhante, que será feito por um dos patrocinadores da CBF.

A escolha de Belo Horizonte também esquenta a disputa política entre as postulantes à abertura do Mundial. Apesar de São Paulo permanecer como favorita, Brasília e a capital mineira também estão na disputa. A Fifa deve fazer o anúncio oficial sobre o local da partida inaugural no próximo mês.

Últimas Notícias

notícias

Siga o UOL Esporte

Placar UOL no iPhone