UOL esporte

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/copa-2014/ultimas-noticias/2011/08/25/por-corrupcao-ceni-ataca-copa-no-brasil-e-decisao-de-construir-itaquerao.htm
  • Ceni critica Itaquerão, Copa no Brasil e diz que País só "pensa em levar vantagem"
  • 24/07/2024
  • UOL Esporte - Futebol
  • UOL Esporte
  • @UOLEsporte #UOL
  • 2
Tamanho da letra
Rogério Ceni acredita que São Paulo paga preço alto por ser um clube honesto

Rogério Ceni acredita que São Paulo paga preço alto por ser um clube honesto

25/08/2011 - 16h53

Ceni critica Itaquerão, Copa no Brasil e diz que País só "pensa em levar vantagem"

Do UOL Esporte
Em São Paulo

A escolha do Itaquerão como sede paulista da Copa do Mundo ainda rende polêmica. O estádio corintiano, que tem previsão para ser inaugurado apenas em 2014, meses antes do início da Copa do Mundo no Brasil, venceu a briga com o Morumbi. Rogério Ceni, grande ídolo da torcida do São Paulo atualmente, atacou a decisão de construir uma nova arena na cidade e também mostrou que não está de acordo com a realização do Mundial no país.

As obras do Itaquerão
As obras do Itaquerão
  • Futuro de Ricardo Teixeira será decidido na Procuradoria Geral da República

    O Procurador Geral da República, Roberto Gurgel, tem uma importante missão pela frente: ler e analisar uma representação criminal contra o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, que também preside o Comitê Organizador da Copa-2014. O pedido de investigação foi assinado por Marcos Pereira, dirigente do Partido Republicano Brasileiro e professor de Direito Penal. Se a investigação for aberta, o processo por corrupção na Fifa que cita João Havelange e Ricardo Teixeira pode ser enviado ao Brasil, para ajudar nas apurações.

Em entrevista à Agência Radioweb, o goleiro lembra casos de corrupção e diz não acreditar que o Brasil tenha condições de receber uma Copa do Mundo hoje. “Quer dizer, tem condições de receber uma Copa do Mundo, nos moldes que a gente poderia receber. O Brasil só pensa em levar vantagem. Então se constroem estádios e mais estádios [...] As pessoas não têm escrúpulos: elas governam e lideram por interesses pessoais e não por interesse do povo”, atacou Ceni.

De acordo com o camisa 1 do São Paulo, o Morumbi só não foi escolhido para receber os jogos da Copa-2014 porque tinha um plano próprio para reformar a sua casa. “É que era um estádio em que, quem quer gastar, é o São Paulo. Não dá certo. Se ainda tivesse alguma verba de fora”, cutucou.

Rogério Ceni mantém as críticas aos dirigentes do futebol brasileiro, sempre com um tom irônico. “Mas a responsabilidade é do clube. Aí não dá para construir outro estádio, não tem R$ 1 bilhão pra gastar. Então não dá muito certo. Tem que ter dinheiro que a gente não tenha tanto controle porque, se tiver responsabilidade, não funciona”, completou.

Quando questionado sobre a relação conturbada do São Paulo com a CBF, o jogador manteve o tom crítico. “É o preço que se paga quando você quer ser correto, quando você quer ser honesto num mundo em que as pessoas não pensam dessa maneira. A gente vive há alguns anos sofrendo algumas coisas”, explicou Ceni, sem entrar em detalhes.

Placar UOL no iPhone