UOL esporte

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/copa-2014/ultimas-noticias/2011/08/08/ministro-do-esporte-se-mostra-preocupado-com-previsao-de-caos-aereo-para-2014.htm
  • Ministro do Esporte se mostra preocupado com previsão de caos aéreo para 2014
  • 19/05/2024
  • UOL Esporte - Futebol
  • UOL Esporte
  • @UOLEsporte #UOL
  • 2
Tamanho da letra
Crescimento no número de passageiros superou expectativas da Infraero

Crescimento no número de passageiros superou expectativas da Infraero

08/08/2011 - 21h20

Ministro do Esporte se mostra preocupado com previsão de caos aéreo para 2014

Roberto Pereira de Souza
Em São Paulo

Como vencer o gargalo dos aeroportos brasileiros até a Copa do Mundo e como atender a demanda de 80 milhões de pessoas que migraram para a classe media, trocaram ônibus por aviões e estão lotando os hotéis. O ministro do Esporte, Orlando Silva, manifestou nesta segunda-feira  preocupação com essa situação, durante gravação do programa Roda Viva, na TV Cultura, em São Paulo.

Assim que acabou a gravação, Orlando Silva participou de uma cerimônia de premiação aos patrocinadores esportivos, na sede do Clube Pinheiros, e ouviu de outro dirigente uma reclamação direta. Atrasado, o presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, Carlos Artur Nuzman, foi abraçado pelo ministro:

“Presidente Nuzman, como foi a viagem do Rio até São Paulo?”

“Ministro, querido ministro, um caos. Muita gente que vinha está atrasada, em outros voos”.

Dados divulgados nesta segunda-feira pela Secretaria de Assuntos Estratégicos, da Presidência da República, revelam que 53% da população brasileira já estão na classe media e os aeroportos não têm condição de atender a tanta gente. Orlando Silva conhece todas as estatísticas do caos aéreo:

“Vou lhe dar um dado: a Infraero previa um crescimento de 12 % ao ano até 2014. Em 2010 até agora, tivemos um  crescimento de passageiros de 20%. Isso é mais que Japão, China, Estados Unidos. Nos preocupa mas temos condição de atender essa demanda com a nova secretaria criada pelo Governo Federal, um novo modelo de gestão da Infraero e os investimentos federais.”

Outro gargalo que preocupa o ministro e a indústria hoteleira é a mobilidade urbana. O dinheiro para projetos urbanos está disponível na Caixa Econômica Federal, mas os projetos estão atrasados.

“Esse é um problema, sim”, disse Orlando Silva. “Aprendemos muito com o os Jogos Pan-Americanos. Se o governo federal não entrasse na reta final, teríamos tido problemas de prazo para o encerramento das obras. Agora, não. Cada prefeito e governador envolvido está assinando termo de compromisso para entregar projetos e atingir metas mensais. Caso o governante não possa atingir as metas, ele perderá o dinheiro que está sendo destinado ao desenvolvimento da Copa do Mundo. Temos 50 projetos que precisam avançar e o tempo é curto.”

Apesar do drama, Orlando Silva ameniza o impacto:

“Mobilidade não chega a ser um gargalo porque a Copa não depende desses projetos diretamente.  Claro que o legado da Copa inclui a mobilidade. Não ter esse legado é ruim para essas cidades. Seria uma chance para as cidades aproveitarem o momento e melhorarem seus serviços de transportes. Mas quem não atender a planilha de responsabilidade de metas não terá legado. Isso será um problema. A participação do Governo Federal é o financiamento. O dinheiro está esperando os projetos. “

Para forçar agilidade nos projetos de mobilidade urbana, o Planalto só vai aceitar propostas até 31 de dezembro de 2011 “e aquelas obras que que possam ser   entregues até dezembro de 2013. São duas datas importantes para os gestores municipais e estaduais.”, explicou Orlando Silva.

A cidade que não apresentar os projetos a tempo ficarão sem o financiamento especial oferecido com a rubrica da Copa do Mundo. “Nesse caso, prefeituras e governos estaduais que ficarem de fora, terão de buscar outras fontes de financiamento, como o PAC2, por exemplo”, disse Silva.

Além disso, os projetos que forem alterados no meio do percurso com majoração de preço, também perderão o benefício oferecido pelo evento Copa do Mundo.

Placar UOL no iPhone