UOL esporte

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/copa-2014/ultimas-noticias/2011/07/31/sem-empolgar-festa-do-sorteio-das-eliminatorias-e-cbf-escapam-de-criticas.htm
  • Sem empolgar, sorteio das Eliminatórias escapa de críticas da imprensa estrangeira
  • 28/02/2020
  • UOL Esporte - Futebol
  • UOL Esporte
  • @UOLEsporte #UOL
  • 2
Tamanho da letra
Ivete Sangalo se apresenta com Orquestra Sinfônica de Heliópolis e não empolgou

Ivete Sangalo se apresenta com Orquestra Sinfônica de Heliópolis e não empolgou

31/07/2011 - 10h17

Sem empolgar, sorteio das Eliminatórias escapa de críticas da imprensa estrangeira

Do UOL Esporte
Em São Paulo

Se no Brasil a festa do sorteio das Eliminatórias para a Copa de 2014 recebeu críticas no Brasil pelo tom morno e pela longa duração, ao menos a imprensa internacional poupou os organizadores do evento.

DILMA IGNORA TEIXEIRA EM EVENTO

Depois de estocar Ricardo Teixeira e afagar Pelé em seu discurso, a presidente Dilma Rousseff deixou o mandatário da CBF fora de sua sala reservada no evento. Para mostrar o desprestígio de Teixeira, Dilma recebeu os jogadores no local

Apesar da suntuosidade e do alto custo – R$ 30 milhões, financiados pelo governo estadual - os principais veículos estrangeiros sequer mencionaram detalhes da festa e preferiram falar apenas sobre o sorteio em si.

Quem se destacou neste ponto foi o jornal inglês The Guardian, que transmitiu o evento em tempo real no seu site e por algumas vezes fez comentários sarcásticos sobre o evento.

“Estamos de volta. Note a ausência do ponto de exclamação”, alfinetou Scott Murray, deixando claro o ar enfadonho da cerimônia.

Os números musicais também foram alvo de comentários ácidos do Guardian. Capitaneados pela cantora Ivete Sangalo, as apresentações não renderam maiores emoções, apesar do elogio à atuação de Daniel Jobim.

“O sorteio da Europa vem a seguir, mas não antes de mais música (...) já escrevi isso antes, mas a escolha do repertório não foi incrivelmente óbvia?”, reclamou.

Comentários ingleses à parte, o que se viu foi indiferença com o evento e apenas repercussões sobre os grupos, com destaque para a chave que contém Espanha e França. Sob forte pressão após ver seu nome envolvido em escândalos de corrupção, Ricardo Teixeira acabou preservado de maiores críticas.

Placar UOL no iPhone