UOL esporte

  • http://esporte.uol.com.br/lutas/vale-tudo/ultimas-noticias/2011/11/20/wanderlei-silva-bate-vietnamita-e-volta-a-vencer-apos-21-meses.htm
  • Wanderlei Silva derruba vietnamita e volta a vencer após 21 meses
  • 25/04/2024
  • UOL Esporte - Lutas
  • UOL Esporte
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
Wanderlei Silva comemora nocaute no segundo round sobre Cung Le no UFC 139

Wanderlei Silva comemora nocaute no segundo round sobre Cung Le no UFC 139

20/11/2011 - 01h50

Wanderlei Silva derruba vietnamita e volta a vencer após 21 meses

Evelyn Rodrigues
Em San Jose (EUA)

O brasileiro Wanderlei Silva conseguiu a sua redenção. Depois de nocautear o astro de cinema e campeão do Strikeforce Cung Le aos 2 minutos e 47 segundos do segundo round, Wand conseguiu, pelo menos momentaneamente, afastar os rumores de aposentaria.

Com um começo de luta tenso, o combate foi marcado por muita movimentação. Cung Le acertou bons chutes enquanto Wanderlei  conseguiu acertar alguns socos, abrindo o supercílio do vietnamita, que levou ligeira vantagem.        

No segundo round a torcida se dividiu e os lutadores continuaram a trocação, com Cung Le investindo nos chutes e Wand tentando trabalhar a distância para chegar ao nocaute, que finalmente veio no segundo round.

A arena do UFC 139, em San José, veio abaixo com a vitória do brasileiro.  “Ele é um oponente muito duro, bate forte, mas eu quero agradecer aos meus fãs em todo o mundo por acreditar em mim”, disse Wanderlei ainda no octógono.

No UFC o “Cachorro Louco” tem um cartel de 10 lutas, sendo apenas 4 vitórias (em sua carreira são 34 vitórias, 11 derrotas e 1 empate).  A sua última derrota, no UFC 132 em Las Vegas para Chris Leben por um nocaute fulminante em apenas 27 segundos de luta levou o presidente do UFC, Dana White, a declarar que era o fim da estrada para ele.

Não contente com a sua perfomance na luta, ele pediu para voltar ao octógono o quanto antes. “Eu não podia encerrar minha carreira depois de uma luta como aquela né”, disse ele ao UOL Esporte durante os treinos abertos para o UFC 139, na última quarta-feira.

Na noite deste sábado, Wand conseguiu a redenção e saiu ovacionado. “É um momento maravilhoso para mim. Eu nunca vou desisitir. Nao podemos desisitr. Só temos tque trabalhar muito duro”, finalizou.

Urijah Faber vence Brian Bowles e vai disputar novamente cinturão dos galos

O embate entre Urijah Faber e Brian Bowles pelos pesos galos teve um início bem equilibrado, com vantagem para o “Califórnia Kid” que conseguiu derrubar Bowles no final do primeiro round.

No segundo round, Faber começou melhor e conseguiu novamente levar seu oponente ao chão, depois de acertar uma sequência de socos e pressionar seu oponente contra a cage. Faber levou a arena ao delírio ao finalizar Bowles com uma guilhotina a 1minuto e 27 segundos do segundo round.

Com a vitória, o “Califórnia Kid” se credencia para enfrentar novamente o dono do cinturão da categoria, Dominick Cruz. Eles já se enfrentaram uma vez pelo UFC e uma pelo WEC, e cada um deles tem uma vitória.

Gleison Tibau leva a melhor em duelo de brasileiros e vence Dos Anjos por pontos

O potiguar Gleison Tibau levou a melhor no duelo de brasileiros do UFC 139, em San Jose, Califórnia, EUA. O combate entre Tibau e o carioca Rafael dos Anjos teve um início bem equilibrado, com Rafael levando ligeira vantagem. Mas no segundo round Tibau acertou uma boa sequência de socos em Rafael e quase conseguiu o nocaute, levando o presidente do UFC, Dana White, a comentar no twitter “como Rafael era difícil”.

No terceiro round Tibau foi para cima do carioca, mas Rafael respondeu bem, apesar de estar já sem fôlego e com o ouvido direito sangrando devido aos golpes sofridos. No final do terceiro round, os juízes deram a vitória para Tibau, em decisão dividida:  28-29, 29-28 e 30-27. 

“Me sinto muito bem, muito feliz com minha vitória. Rafael é um oponente muito difícil e não foi nada fácil. Eu trabalhei meu boxe e quedas e eu consegui uma primeira boa queda. Eu só tentei vencer e continuar o tempo todo sem parar”, declarou o potuguar.

Com o combate de hoje, Gleison Tibau emplaca sua terceira vitória consecutiva no UFC, um feito inédito em sua carreira. Seu cartel tem 25 vitórias e sete derrotas.

Confira as lutas deste sábado – UFC 139

Card principal
 Wanderlei Silva nocauteou Cung Le no segundo round
Urijah Faber finalizou Brian Bowles com uma guilhotina
Martin Kampmann venceu Rick Story por decisão dividida dos juízes
Stephan Bonnar venceu Kyle Kingsbury por decisão unânime dos juízes

Card preliminar
Ryan Bader venceu Jason Brilz por nocaute no primeiro round
Michael McDonald venceu Alex Soto por nocaute no primeiro round
Chris Weidman venceu Tom Lawlor por finalização no primeiro round 
Gleison Tibau venceu Rafael dos Anjos em decisão dividida dos juízes
Miguel Angel Torres venceu Nick Pace por decisão unânime dos juízes
Seth Baczynski derrotou Matt Brown com uma guilhotinha no segundo round
Danny Castillo derrotou Shamar Bailey por nocaute técnico no primeiro round

Placar UOL no iPhone