PUBLICIDADE

Topo

Vídeos

Diretor do Butantan diz que tomaria vacina segura, mesmo que imperfeita

07/10/2020 19h59

Convidado desta quarta-feira (7) do ciclo "Conversas na Crise - Depois do Futuro", organizado pelo IdEA (Instituto de Estudos Avançados) da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) em parceria com o UOL, Dimas Tadeu Covas, diretor do Instituto Butantan (SP), deu detalhes sobre a vacina que está sendo produzida para combater a covid-19. "A vacina é necessária para diminuir a mortalidade e a gravidade dos casos. Se tivesse 40% de eficácia, eu seria o primeiro a tomar", afirmou o médico.

Vídeos