PUBLICIDADE

Topo

Reino Unido inclui síndrome rara entre efeitos colaterais da AstraZeneca

A síndrome de Gullain-Barré é considerada um efeito colateral extremamente raro da vacina da AstraZeneca - ANDRE BORGES/AFP
A síndrome de Gullain-Barré é considerada um efeito colateral extremamente raro da vacina da AstraZeneca Imagem: ANDRE BORGES/AFP

Yadarisa Shabong em Bengaluru

21/10/2021 09h09

O órgão regulador de medicamentos do Reino Unido acrescentou um distúrbio nervoso extremamente raro, a síndrome de Gullain-Barré, como um efeito colateral extremamente raro da vacina contra Covid-19 da AstraZeneca, mostraram atualizações no site da agência nesta quinta-feira.

A decisão da Agência Regulatória de Saúde e Medicamentos (MHRA) britânica vem depois de a agência europeia acrescentar a síndrome de Gullain-Barré como um possível efeito colateral da vacina no mês passado.