PUBLICIDADE

Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

OMS: África será prioridade na doação da vacinas contra covid-19 pelo G7

OMS diz que prioridade de distribuição nas doses doadas pelo G7 deve ser o continente africano - Foto: Agência Brasil / Tomaz Silva
OMS diz que prioridade de distribuição nas doses doadas pelo G7 deve ser o continente africano Imagem: Foto: Agência Brasil / Tomaz Silva

Por Emma Farge e Stephanie Nebehay

14/06/2021 15h31Atualizada em 15/06/2021 11h32

GENEBRA (Reuters) - A África terá preferência para as prometidas 870 milhões de doses de vacina contra a Covid-19 pelo Grupo dos Sete (G7), disse o conselheiro sênior da Organização Mundial de Saúde (OMS) nesta segunda-feira.

"Você verá que a África é uma das (áreas) mais vulneráveis e mal servidas, então a prioridade será que as doses vão... para o continente africano em grande quantidade. Esses números serão resolvidos nas próximas semanas", disse Bruce Aylward, conselheiro sênior da OMS e coordenador do Acelerador ACT (Acesso a Ferramentas contra a Covid-19), em coletiva de imprensa virtual em Genebra.

O bloco econômico anunciou a doação de um bilhão de doses de vacinas contra a covid-19 até o final de 2022 para países mais pobres.

A decisão foi tomada após uma reunião da cúpula dos sete países mais ricos do mundo na Inglaterra. A distribuição deve se concentrar no próximo ano.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do informado no terceiro parágrafo da notícia, o G7 prometeu a doação de 1 bilhão de doses de vacina, e não 1 milhão. O erro foi corrigido.

Saúde