PUBLICIDADE

Topo

VivaBem

Filtro de barro, bebedouro ou purificador? Saiba como eles limpam a água

Água limpa traz uma série de benefícios para a saúde: qual é o melhor filtro? -
Água limpa traz uma série de benefícios para a saúde: qual é o melhor filtro?

Daniel Navas

Colaboração para VivaBem

27/01/2022 04h00Atualizada em 27/01/2022 10h15

A água que chega pelas torneiras é considerada potável na maioria das cidades brasileiras, mas muitos lares ainda estão desatendidos quanto à infraestrutura de saneamento básico. Cerca de 16% da população não tem fornecimento de água que pode ser ingerida sem risco para a saúde e quase metade vive em locais sem coleta adequada e tratamento de esgoto. Por isso, filtros domésticos podem ser uma opção para evitar contaminações, doenças e outros males.

De barro, bebedouro ou purificador: qual escolher?

Antes de comprar, avalie com atenção como o filtro vai ser usado, o local de instalação e qual a quantidade de água a ser consumida. Isso vai interferir na manutenção, por exemplo. Verifique se o produto tem selo de certificação do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia), que estabelece o padrão a ser atendido para que o acessório forneça água potável.

Confira, a seguir, informações sobre os tipos de filtros mais comuns no mercado.

Filtro de barro

Um dos mais antigos produtos usados para purificar água, o filtro de barro tem como principal função a retenção de partículas maiores, como pedriscos, barro, lodo ou limo, que possam estar presentes no líquido. O acessório tem, no interior, velas de cerâmica ou carvão ativado para barrar as impurezas.

A principal desvantagem é que alguns filtros de barro não são capazes de eliminar bactérias. O recomendado é procurar um aparelho mais moderno, com velas mais atuais e eficientes. Outro problema é a vazão. Como a filtragem ocorre por gravidade, com a água descendo da parte de cima do filtro até a base, é preciso esperar algum tempo para poder usar uma grande quantidade.

E fique de olho na manutenção. De acordo com a Fiocruz, a vela de porcelana deve ser trocada a cada seis meses. As velas e os reservatórios do filtro devem ser lavados com frequência, usando água e esponja somente.

Filtro de barro São Pedro - 3 litros

Preço: R$ 149*

Filtro São Pedro - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

O produto tem capacidade de armazenar até seis litros de água, sendo três litros na parte de cima e o restante na parte de baixo. A vela possui tripla ação ao filtrar e reduzir odores, sabores e o teor de cloro, de acordo com o fabricante, além de reduzir a presença de bactérias. A parte interna da vela é revestida com prata coloidal, que é bactericida, e o aparelho possui carvão ativado.

Filtro de barro Stefani São João - 6 litros

Preço: de R$ 245,49 por R$ 217,41* (desconto de 11%)

Filtro São João - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Com base reta e resistente, este filtro de barro, feito à mão em argila, possui vela cerâmica tradicional e tem capacidade para até seis litros de água. O produto vem com duas velas e possui 47 centímetros de altura. O peso aproximado é de 8,5 quilos. De acordo com o anunciante, deve ser higienizado usando somente esponja limpa e água.

No galão ou na pressão?

Os bebedouros podem ser encontrados em dois modelos: o aparelho de pressão e o que utiliza um galão de água. O primeiro funciona por meio de um sistema elétrico e é conectado diretamente ao final da tubulação de água. Pode contar com um sistema de filtração acoplado, com carvão ativado e prata coloidal (usada como bactericida). É capaz de reter partículas em suspensão, de eliminar sabores e odores da água e de inibir a proliferação de bactérias.

Já o bebedouro que serve como base para o garrafão oferece água diretamente deste recipiente. Por isso, a sugestão é verificar a qualidade da água com o distribuidor.

Para uma boa manutenção, algumas fabricantes de bebedouros de pressão recomendam a troca do refil a cada seis meses ou a cada 3.000 litros de água usados.

E para o aparelho do tipo garrafão, é necessária uma limpeza periódica do reservatório para remoção de possíveis sujidades e da parte do galão que ficará em contato com a água.

Bebedouro bivolt Electrolux

Preço: R$ 454,06*

Bebedouro Electrolux - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Este produto serve como base para receber um garrafão de água potável. Possui dois modos de fluxo de água — contínuo e controlado — e conta com três opções de temperatura: água natural, fria e gelada. O aparelho vem com bandeja removível e perfurador de galão, o que facilita na hora de limpar e posicionar a bombona.

Bebedouro por coluna de pressão Karina

Preço: R$ 849*

Bebedouro Karina - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Indicado principalmente para uso em escritórios, o produto é feito em aço inox com latão cromado e possui torneira para copo e jato. O filtro de água possui carvão ativado impregnado com prata, o que, segundo o fabricante, impede a proliferação de microrganismos, elimina o sabor e o odor da água e reduz a quantidade de cloro.

Bebedouro Philco

Preço: de R$ 571,91 por R$ 529,06* (desconto de 7%)

Bebedouro Philco - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Com capacidade para garrafão de dez litros ou 20 litros, este bebedouro possui a opção de água gelada, natural ou quente. Por isso, precisa de energia elétrica para funcionar. O aparelho possui um sistema perfurador da bombona e conta com uma tecnologia que permite refrigeração rápida: até 650 mililitros de água em 90 minutos.

Purificadores

Os purificadores são considerados os equipamentos mais modernos e completos para consumo de água, pois, a depender da tecnologia oferecida, permitem tratamento de contaminantes físicos (partículas), químicos (absorvendo o cloro, por exemplo) e biológicos (contra vírus e bactérias). Eles contam com recursos de refrigeração e de aquecimento da água. De acordo com informações levantadas pela reportagem, são os que oferecem como resultado água com maior pureza.

Cada fabricante sugere uma frequência específica para manutenção e troca do filtro, podendo ser feita a cada três meses, seis meses ou mais.

Purificador bivolt Consul

Preço: R$ 779*

Purificador de água Consul - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Este aparelho possui a chamada Filtragem Classe A, que, de acordo com o fabricante, oferece máxima redução de cloro, retenção de partículas e eficiência na eliminação de bactérias. O produto dá as opções de água normal ou gelada. A troca do refil é feita facilmente, bastando apenas girar a peça para substituí-la.

Purificador Vitale - Lorenzetti

Preço: R$ 127,85*

Purificador Vitale - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Com design compacto, este purificador pode ser acoplado à parede ou deixado sobre um balcão. O processo de purificação de água passa por três etapas: elimina partículas sólidas, como barro, limo e ferrugem, o excesso de cloro, gostos e odores da água e evita a proliferação de bactérias. A bica é móvel, e a capacidade de purificação é para mil litros.

Fontes: Antonio Trentini, diretor de novos negócios da Culligan Latam; Edgar Mascarenhas, gerente de equipe técnica da Europa; Maria Cristina de Almeida Silva, professora adjunta do Instituto de Pesquisas Hidráulicas da UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul); e Maíra Freire Pecegueiro do Amaral, professora do Instituto Três Rios da UFRRJ (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro).

Uma dica: costuma fazer compras online? Assinar o Amazon Prime pode ser uma boa alternativa. Com primeiro mês de teste gratuito e depois por apenas R$ 9,90, você tem entrega grátis e rápida para diversas compras em qualquer lugar do Brasil.

* Os preços e a lista foram checados no dia 26 de janeiro de 2022 para atualizar esta matéria. Pode ser que eles variem com o tempo.

O UOL pode receber uma parcela das vendas pelos links recomendados neste conteúdo. Preços e ofertas da loja não influenciam os critérios de escolha editorial.

VivaBem