PUBLICIDADE

Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

BBB 22: 'risada de porco' de Eliezer pode indicar problema de saúde?

Risada do brother Eliezer imita o som de um porco - Reprodução/Instagram @bbb
Risada do brother Eliezer imita o som de um porco Imagem: Reprodução/Instagram @bbb

Sarah Alves

Colaboração para VivaBem, em São Paulo

19/01/2022 09h48

Uma nova edição do BBB começou essa semana e, com ela, uma onda de memes já invadiu as redes sociais. Um dos mais momentos mais comentados —e inusitados— foi o da risada do participante Eliezer, 31, designer e empresário, parecida com o som de um porco.

O momento foi alvo de brincadeira do apresentador Tadeu Schmidt e arrancou risos dos companheiros de confinamento. Já Ana Maria Braga, ao ver a cena, sugeriu que brother buscasse um médico. "Gente, ele ronca. Deve ter alguma coisa qualquer ali", disse a apresentadora.

Segundo o otorrinolaringologista Carlos Barone Júnior, apenas a risada não é obrigatoriamente um sinal de alerta e é comum que ela levante atenção caso esteja associada a mais sinais. "Se a pessoa tiver outras condições, como obstrução nasal crônica e ronco, ela pode ter alguma alteração anatômica da via aérea superior, que predispõe ter risada com ruído que não é o habitual", explica o médico do Prontobaby Hospital da Criança, no Rio de Janeiro.

Quando uma pessoa ri, várias estruturas do corpo estão envolvidas: desde os lábios, mudanças na posição da língua até alterações respiratórias, indica Edilson Zancanella, otorrinolaringologista especializado em sono e especialista da ABORL-CCF (Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial).

Nos casos em que obstrução e outros problemas provocam risadas diferentes, as alterações agem como um efeito vibratório, explica o profissional.

"Fatores respiratórios como obstrução nasal, aumento de estruturas na região do palato, úvula e faringe, como amígdalas, podem levar a um efeito vibratório imediato e associado à risada. A intensidade do riso pode modular e intensificar esse efeito causando ruídos diferentes", afirma.

Quando buscar ajuda médica?

Um dos principais sinais para buscar um otorrinolaringologista é ao notar dificuldades de respiração de uma narina para outra, o que pode indicar desvio de septo.

"Nesses casos, há uma obstrução unilateral, geralmente um lado do nariz não funciona bem. E como a pessoa é assim desde sempre, ela não percebe", diz Carlos Barone Júnior. "Se a pessoa tapar uma narina, inalar, repetir do outro lado e perceber que um respira melhor do que o outro, é um sinal para buscar ajuda."

Zancanella, da ABORL-CCF, ressalta que respirar pela boca pode causar várias alterações (dentárias, para engolir), apneias e mais dor de garganta. Há ainda o risco de abusar de soluções nasais, que prejudicam a saúde. "São vasoconstritores que trarão sérios problemas futuros além de não resolverem o problema nasal", diz.

Também deve-se ter atenção em caso de dor de garganta recorrente, roncos, coriza, alterações no olfato, sonolência diurna e sono de qualidade ruim.

Saúde