PUBLICIDADE

Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

Covid: 83,4 milhões de brasileiros completam vacinação, 39,1% da população

Brasil já conta com mais de 83,3 milhões de pessoas com vacinação completa contra a covid-19 - Sandro Pereira/Fotoarena/Estadão Conteúdo
Brasil já conta com mais de 83,3 milhões de pessoas com vacinação completa contra a covid-19 Imagem: Sandro Pereira/Fotoarena/Estadão Conteúdo

Colaboração para o VivaBem, em São Paulo

22/09/2021 20h04Atualizada em 23/09/2021 18h53

Hoje, o Brasil alcançou a marca de mais de 83,3 milhões de pessoas com vacinação completa contra a covid-19. Até o momento, 83.397.254 habitantes já receberam a segunda dose ou a dose única de imunizante contra a doença, o correspondente a 39,1% da população do país. O levantamento é do consórcio de veículos de imprensa, do qual o UOL faz parte, com base nas informações fornecidas pelas secretarias estaduais de saúde.

O esquema vacinal foi concluído por 1.081.924 pessoas entre ontem e hoje. Destas, 1.077.326 tomaram a segunda dose e outras 4.598 receberam a dose única. Também houve a aplicação de 430.963 primeiras doses e 45.403 doses de reforço neste mesmo intervalo de tempo.

Ao todo, a primeira dose foi aplicada em 143.056.255 brasileiros, o que representa 67,06% da população nacional. Até aqui, 426.210 pessoas foram imunizadas com o reforço.

Nas últimas 24 horas, foram aplicadas 1.558.290 doses de imunizante contra a covid-19 pelo Brasil, na soma de primeiras, segundas, únicas e de reforço.

Vacinação primeira dose 22/9 - UOL - UOL
Vacinação primeira dose 22/9
Imagem: UOL

Mato Grosso do Sul (53,9%) e São Paulo (51,96%) são os únicos estados com mais da metade de suas populações com vacinação completa. Rio Grande do Sul (44,57%), Espírito Santo (41,21%) e Paraná (40,12%) vêm na sequência.

São Paulo tem o maior percentual de habitantes que já tomaram a primeira dose: 78,22% da população local. A seguir, estão Rio Grande do Sul (69,44%), Distrito Federal (69,34%), Santa Catarina (69,11%) e Paraná (68,45%).

Vacinação dose completa 22/9 - UOL - UOL
Vacinação dose completa 22/9
Imagem: UOL

SP reduz intervalo de Pfizer de 12 para 8 semanas a partir de sexta

O governo de São Paulo anunciou hoje que vai diminuir o intervalo entre as doses da vacina da Pfizer contra a covid-19 de 12 para oito semanas —o equivalente a dois meses. A medida passará a valer a partir da próxima sexta-feira (24).

A regra já começa a valer para as 6,9 milhões de pessoas no estado que já tomaram a primeira dose do imunizante norte-americano. Segundo a coordenadora do PEI (Plano Estadual de Imunização), Regiane de Paula, o estado está distribuindo hoje 2 milhões de doses aos 645 municípios.

A antecipação da segunda dose tem o objetivo de acelerar a imunização da população.

Veículos se unem pela informação

Em resposta à decisão do governo Jair Bolsonaro de restringir o acesso a dados sobre a pandemia de covid-19, os veículos de comunicação UOL, O Estado de S. Paulo, Folha de S.Paulo, O Globo, G1 e Extra formaram um consórcio para trabalhar de forma colaborativa para buscar as informações necessárias diretamente nas secretarias estaduais de saúde das 27 unidades da federação.

O governo federal, por meio do Ministério da Saúde, deveria ser a fonte natural desses números, mas atitudes de autoridades e do próprio presidente durante a pandemia colocam em dúvida a disponibilidade dos dados e sua precisão.

Saúde