PUBLICIDADE

Topo

Equilíbrio

Cuidar da mente para uma vida mais harmônica


Equilíbrio

Estudo: comer frutas e fazer exercícios pode aumentar nível de felicidade

iStock
Imagem: iStock

Do VivaBem, em São Paulo

17/09/2021 14h43

Comer frutas e vegetais e praticar atividades físicas podem aumentar os níveis de felicidade das pessoas, segundo um novo estudo publicado na revista científica Journal of Happiness Studies, no dia 20 de agosto deste ano.

A ligação entre um estilo de vida mais saudável com o bem-estar já é documentada em diversos estudos anteriores, além de ser utilizada em campanhas de saúde pública. Mas o resultado desta pesquisa traz esse outro benefício: sentir-se mais feliz.

Uma das autoras do estudo, Adelina Gschwandtner, da Universidade de Kent, no Reino Unido, afirma que atividades comportamentais que auxiliam nos objetivos de longo prazo já são úteis para manter um estilo de vida mais saudável. "Agora, se esse estilo de vida não apenas o torna mais saudável, mas também mais feliz, então essa é uma situação que todos saem ganhando", diz.

Como o estudo foi feito

Os cientistas utilizaram uma base de dados da UK Understanding Society, com mais de 40 mil pessoas do Reino Unido, acompanhados ao longo do tempo. Dessas famílias, eles usaram informações de 14.159 indivíduos: 5.926 homens e 8.233 mulheres.

Nesta base de dados que existe desde 2009, os pesquisadores selecionaram a etapa na qual as pessoas respondem perguntas sobre alimentação (consumo de frutas, vegetais, etc) e também de atividade física, além da satisfação com a vida.

Quais foram os principais resultados

De acordo com os cientistas, o resultado mostrou que o consumo de frutas e vegetais e a prática de exercícios deixam as pessoas mais felizes —e não o contrário— aumentando a satisfação com a vida.

Os resultados demonstram que a capacidade dos indivíduos em adiar atividades que deem prazer desempenha um papel importante na influência das decisões de estilo de vida —o que, por sua vez, tem um impacto positivo no bem-estar.

A pesquisa também mostra que os homens parecem se exercitar mais e as mulheres comem mais frutas e vegetais.

Por que este estudo é importante?

Doenças relacionadas ao estilo de vida são a principal causa de problemas de saúde e mortalidade em todo o mundo, por isso, as descobertas podem ter implicações significativas para as políticas de saúde pública.

Uma S. Kambhampati, outra autora do estudo, afirma que descobrir que comer mais frutas e vegetais e praticar exercícios pode aumentar a felicidade, bem como oferecer benefícios à saúde, é um grande passo: "Isso também pode ser útil para campanhas políticas em torno do meio ambiente e da sustentabilidade".

Equilíbrio