PUBLICIDADE

Topo

Crossfit, pilates, corrida: qual atividade física combina mais com você?

iStock
Imagem: iStock

Luiza Vidal

De VivaBem, em São Paulo

04/09/2021 04h00

"Espelho, espelho meu, existe algum exercício físico perfeito para mim?". A palavra "perfeita" talvez não seja a mais adequada neste caso, mas dá para dizer que é, sim, possível encontrar uma atividade física que se encaixe com seus gostos e objetivos.

Não só é possível como também é fundamental que você encontre sua "cara metade" do mundo fitness. Até porque a prática de exercícios, com frequência, traz inúmeros benefícios para o seu corpo, que vão muito além da estética, como melhorar a disposição, humor e sono, além de fazer muito bem para o coração e ainda evitar diversas doenças.

"Fazer atividade física aumenta a circulação sanguínea a e temperatura corporal. Com isso, temos benefícios importantes na condição cardíaca, metabólica e mental. Se você analisar, a atividade física também se associa em reduzir a mortalidade e o risco de desenvolver diversas doenças", explica Aylton Figueira, professor de educação física da Universidade São Judas (SP).

Mas para obter todos esses benefícios é preciso, em primeiro lugar, ter frequência. De acordo com a OMS (Organização Mundial de Saúde), a recomendação é de 150 a 300 minutos (2h30 a 5h) de prática durante a semana.

Isso não é apenas importante para a saúde, mas também fundamental para evitar riscos de lesões e dores, segundo Fabrício Buzatto, médico do esporte, fisiatra e membro da SBMEE (Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte).

"Se a pessoa joga futebol com os amigos apenas uma vez na semana, por exemplo, o corpo não fica preparado para o esforço que vai ser feito. Com isso, ela tem mais risco, embora raro, de sofrer eventos cardiovasculares e principalmente lesões e dores. Por isso, o ideal é manter uma rotina, uma periodicidade mínima para ter condicionamento", diz.

Também é importante que você escolha algo que gosta. De nada adianta fazer algo forçado, tem gente que ama puxar ferro na academia, e outras que não conseguem ir mais do que uma vez na semana. Fazer atividade física não precisa ser, necessariamente, no ambiente da academia. Há inúmeras atividades físicas, principalmente para aqueles que preferem coisas mais "leves".

"Temos muitos exercícios hoje e isso vai depender do objetivo do aluno. Se ele gosta mais de concentração e de sentir o corpo relaxado, temos o ioga e também o pilates, que trabalha um pouco de força, mas o objetivo maior é trabalhar com flexibilidade e exercícios de alongamento", conta Cleyton Dias de Carvalho, professor de educação física da Faculdade Pitágoras, de Imperatriz (MA).

Pensando nessa gama de opções de atividades, VivaBem fez uma lista com dicas de exercícios para todos (ou quase) os tipos de gosto.

1. "Gosto de exercícios físicos intensos"

Se você é do #TeamNoPainNoGain, talvez naturalmente goste de ir à academia para puxar ferro, mas existem outras atividades intensas que você também pode gostar, como:

HIIT, treino intenso, remada com kettlebell - iStock - iStock
Treino HIIT
Imagem: iStock

2. "Quero fazer algo mais 'leve'"

Agora, se você não gosta de nada exaustivo, há também opções de atividades que são mais "tranquilas" e ainda assim promovem benefícios à saúde:

  • Pilates;
  • Ioga (inclusive ao ar livre);
  • Caminhada;
  • Aula de exercícios localizados;
  • Aula de alongamento;
  • Andar devagar na esteira.

3. "Quero ganhar músculos"

Em conversa com os profissionais de educação física, aqui não tem muito como fugir da musculação, já que ela promove esse aumento de peso progressivamente —essencial para ganho de músculo. Agora, algumas atividades também podem oferecer resultados parecidos dependendo da intensidade e frequência:

  • Crossfit;
  • Remo;
  • Lutas como boxe, judô, jiu-jitsu;
  • Circuito funcional;
  • Natação;
  • Escalada.
Jessica Pilz, da Áustria, e Oceana Mackenzie, da Austrália, durante disputa da escalada - Stoyan Nenov/Reuters - Stoyan Nenov/Reuters
Jessica Pilz, da Áustria, e Oceana Mackenzie, da Austrália, durante disputa da escalada
Imagem: Stoyan Nenov/Reuters

4. "Quero perder uns quilos"

Emagrecer não envolve só fazer atividade física, mas exige um cuidado em diversas áreas, como a alimentação. Mas, no geral, é possível escolher atividades que promovam a perda de gordura mais rapidamente, como:

  • Andar de bicicleta (na rua ou na academia);
  • Usar o simulador de escada das academias;
  • Correr;
  • Corrida na areia;
  • Pular corda;
  • Aulas de dança.

5. "Odeio academia, mas gosto de atividades intensas"

Se você não gosta muito da ideia de ir à academia e utilizar os aparelhos, mas, ainda assim, gosta das atividades intensas, há outras opções:

  • Andar de bicicleta;
  • Fazer aula de spinning;
  • Pular corda;
  • Natação;
  • Aulas de dança;
  • Circuito funcional;
  • Beach tennis.
Beach Tennis - Getty Images - Getty Images
Beach Tennis
Imagem: Getty Images

6. "Fico entediado(a) rapidamente. Gosto de coisas novas"

Agora, se você é daqueles que curte se aventurar nas novidades das atividades físicas que fogem das mais conhecidas, essa lista é para você:

  • Surf;
  • Frescobol;
  • Beach tennis;
  • Escalada;
  • Ballet;
  • Pole Dance;
  • Fitness Flow;
  • Aulas de dança (o que não falta é novidade e variedade);
  • Lutas no geral;
  • Aula em tecido acrobático;
  • Corda naval;
  • Remo.

7. "Atividade física? Só com alguma companhia"

Se incluir os exercícios físicos na sua rotina fica mais fácil se você contar com uma companhia, há também opções para isso. Você pode procurar os esportes em grupo:

  • Futebol;
  • Vôlei;
  • Aulas de dança;
  • Crossfit;
  • Caminhar, correr ou andar de bike com as amigas;
  • Pilates;
  • Circuito funcional.

Exercício é remédio

Essa reportagem faz parte da campanha de VivaBem Exercício É Remédio, que quer ressaltar a importância da atividade física para a saúde e dar dicas e ideias para combater o sedentarismo.

Os conteúdos abordam a importância da atividade física para prevenir e tratar doenças, os sinais que o seu corpo dá quando você não se mexe o suficiente, dicas para tornar o exercício um hábito, além de descobrir qual mais combina com você, cuidados essenciais para começar a se movimentar, inclusive na terceira idade e relatos inspiradores de pessoas que trataram questões sérias de saúde com atividade física. Mas tem muito mais. Confira todo o conteúdo da campanha aqui.

Essa é a terceira campanha de uma série de VivaBem que tem trazido conteúdos temáticos para auxiliar no combate a problemas que muitas pessoas enfrentam no dia a dia e contribuir para que você tenha mais saúde e bem-estar.

A primeira foi Supere a Depressão Pós-Parto, realizada em março; e a segunda foi Tenha Uma Boca Saudável, em junho.