PUBLICIDADE

Topo

Ele eliminou 28 kg após não conseguir subir três andares carregando compras

Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal

Thamires Andrade

Colaboração para o VivaBem, em São Paulo

22/07/2021 04h00

Sedentário e trabalhando muito, Marcos Bueno, 31, começou a engodar depois do casamento e chegou a 107 kg. Mas ele só se deu conta do quanto o excesso de peso era prejudicial ao seu corpo quando quase desmaiou levando sacolas com compras para casa. Então, decidiu mudar a alimentação e praticar exercícios. A seguir, conta como conseguiu:

"Sempre tive um físico mediano: não era gordo, nem magro. Na casa dos meus pais, as refeições eram balanceadas. Comíamos muitos legumes e verduras. A preocupação nunca foi tanto com o peso mas, sim, com a saúde.

Sai de casa para cursar a universidade e minha dieta começou a piorar.

Como Emagreci - Marcos Bueno - Arquivo pessoal - Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal

Como estudava e trabalhava, ficava muito tempo na rua e não conseguia me alimentar bem. No entanto, acho que não engordava por ter uma rotina pesada e bastante corrida.

Depois do casamento, já formado e inserido no mercado de trabalho, comecei a trabalhar muito tempo sentado, na frente do computador. Como publicitário, muitas vezes virava a noite no escritório e vivia a base de lanches e pizza. Acabei relaxando e ganhando peso.

Após um tempo, fui promovido e me mudei de cidade. Comecei a morar no 3º andar de um prédio sem elevador. Foi aí que senti a necessidade de praticar exercícios e emagrecer.

Como Emagreci - Marcos Bueno - Arquivo pessoal - Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal

Um dia, fiz compras e subi as escadas com as sacolas. Quando cheguei no meu andar, estava zonzo e com falta de ar, a ponto de desmaiar, com uma fadiga absurda.

Resolvi me pesar e vi que tinha engordado 35 kg —a balança marcou 107 kg. Já estava entrando em depressão e bem infeliz com o meu corpo. Tentava comprar roupas e não achava nada que me servisse nas lojas. O que cabia marcava a barriga ou deixava o cofrinho aparecendo.

Decidi que, no dia seguinte, iria me matricular na academia e mudar de vida. Logo eu, que sempre fui sedentário! Com muita determinação, comecei a treinar em uma academia próxima de casa.

Uma coisa que aprendi é que a gente engorda sozinho, mas emagrecer sozinho é difícil. Claro que a decisão de mudar de vida é importante, mas se você não tiver inspiração e o apoio das pessoas que estão por perto, é complicado ter resultado

Como Emagreci - Marcos Bueno - Arquivo pessoal - Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal

Nunca tinha feito dieta antes e busquei ajuda de uma nutricionista. Ela não tirou nenhum alimento do meu dia a dia, apenas me ensinou a controlar as quantidades. Eu podia até comer pizza, mas em vez de consumir oito pedaços, parava no segundo. Claro que no começo isso não foi fácil. Contei muito com o apoio da minha mulher para conseguir.

Ao longo de todo o processo, tive muitos altos e baixos. Em vários momentos, bateu um desânimo de continuar focado na dieta. Algo crucial para superar isso foi ver, nas redes sociais, histórias de pessoas que emagreceram. Olhava as fotos de antes e depois e pensava que, se elas tinham conseguido aquela mudança de vida, eu também seria capaz. Isso me ajudou a ficar em linha com o objetivo.

Também foi muito importante ter orientação de um preparador físico. No início, achava que ia emagrecer de uma semana para outra, mas aprendi que é preciso ter paciência para evoluir nos treinos. Comecei malhando duas vezes por semana. Perdi 4 kg em um mês. Depois, foram mais 3 kg.

Como Emagreci - Marcos Bueno - Arquivo pessoal - Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal

Quando passei a observar a transformação no meu corpo e vi que estava mais definido, decidi aumentar a frequência nos treinos. Comecei a levantar às 5h da manhã para ir à academia. Claro que inicialmente foi complicado, exigiu muita determinação. Mas fui avançando até virar hábito. Sai completamente do sedentarismo e, hoje, corro 12 km quatro vezes por semana.

Em um ano e pouco, emagreci 28 kg. Agora meu foco é ganhar massa muscular. Para conseguir essa transformação, passei a contar com acompanhamento de um médico esportivo. Também adotei um novo cardápio, que restringe alguns alimentos que gosto, como a pizza.

O mais legal é que essa mudança no estilo de vida não impactou só a mim, mas também a minha esposa. Ela é chefe de cozinha especializada em confeitaria e minha casa vivia cheia de chocolate e leite condensado. Por conta da minha dieta, ela começou a preparar refeições orgânicas e resolveu estudar nutrição. Hoje, ela até mudou o perfil do próprio negócio e cozinha marmitas fitness."

Quer emagrecer? Receba um plano gratuito com treino e dieta em seu email

Você quer mudar hábitos, começar a praticar exercícios, ter uma alimentação mais saudável e emagrecer? O VivaBem preparou uma série de newsletters com um programa de treino e uma dieta para perder peso (neste link tem a caixa para você se cadastrar para recebê-las). Ao assinar a newsletter do #ProjetoVivaBem, você vai receber em seu email, ao longo de 12 semanas, um plano completo e gratuito com exercícios, cardápios e dicas para mudar o estilo de vida, que ajudarão a alcançar o objetivo de eliminar gordura corporal, ganhar músculos e, principalmente, adotar hábitos mais saudáveis. Siga nosso programa e compartilhe seu novo dia a dia mais saudável e seus resultados nas redes sociais com a #ProjetoVivabem.