PUBLICIDADE

Topo

"Para não faltar energia, fujo de dietas low carb", diz Claudia Leitte

Reprodução Instagram/@claudialeitte
Imagem: Reprodução Instagram/@claudialeitte

Giulia Granchi

Do VivaBem, em São Paulo

19/03/2021 04h00

Que o dia a dia de Claudia Leitte é cheio de compromissos, qualquer um pode imaginar. Para não deixar a energia faltar entre gravações, entrevistas e shows —agora, só virtuais — em tempos de rotina corrida, a cantora opta por uma alimentação saudável e rica nos principais macronutrientes: proteínas, carboidratos, água e gorduras que fazem bem à saúde.

Mas se a ocasião pede, assim como o resto dos meros mortais, Claudia Leitte não dispensa um lanche, uma pizza... "Meu metabolismo é acelerado, queimo gordura rápido, mas também não abuso. Quando estou de férias, me permito 'meter o pé na jaca'. Equilíbrio sempre!"

Cardápios restritivos não têm vez

Se é colocada cara a cara com um cardápio restritivo, a cantora já dispensa as recomendações. "Eu já tenho esse histórico de comer de forma balanceada, então dietas com pouca variedade de alimentos me causam estranheza, meu corpo não se adapta."

A low carb, dieta com baixa quantidade de carboidratos, também não tem vez com ela. "Para mim, que tenho uma rotina agitada, eles são essenciais, porque me dão muita energia. Não consigo cortar de jeito nenhum", diz.

O que não pode faltar camarim ou na bolsa

Água de coco, frutas, cereais e tapioca são indispensáveis no dia a dia da artista. "Recentemente, também tenho consumido barrinhas de cereais ou chocolate 60% cacau. Geralmente tenho vontade de algo doce ao longo do dia e, para saciar isso e dar energia, é uma boa solução."

Mas ela também dá abertura aos doces mais comuns. "Eu amo aquelas gomas, jujubas, sabe? Tem vários nomes. Amo! Depois que descobri algumas que têm colágeno eu fiquei mais apaixonada ainda (risos)."

Quando sobra tempo... Claudia vira chef

Dependendo do tempo livre, a cantora se arrisca criando pratos mais especiais na cozinha. "E mando bem, viu? Sempre que posso, cozinho alguma coisa para minha família. Gosto muito de fazer as receitas da minha avó e incrementá-las."

A cantora conta que a quiabada é o prato que a avó faz e que ela mais ama. "Para quem não conhece, é um prato muito famoso na Bahia feito de quiabo, carne bovina, camarão seco e, claro, nosso amado coentro. Gostamos de comer com uma pimentinha, farinha de mandioca e arroz", diz.

No Carnaval, alimentação precisa ser reforçada

"Nessa época do ano eu brinco dizendo que eu não como, eu me alimento. Sigo dietas que me deixem forte, com energia e coisas mais leves, de fácil digestão. O objetivo é manter a disposição para a maratona de shows, sem esquecer de beber muita água", conta.

Normalmente, o cardápio prioriza peixes, legumes, verduras e frutas —inclusive aquelas que fazem muitos virarem o nariz, como o jiló. Para dar energia, batata-doce e mandioquinha estão sempre no prato.

Como manter a alimentação saudável durante a rotina corrida

A principal dica da artista é ter a instrução de um profissional para criar uma rotina de alimentação. "Às vezes, na correria, a gente esquece de comer ou belisca alguma coisinha e continua em um ritmo frenético. Isso não é bom! Se você organizar bem os horários e o que comerá, mesmo que seja algo simples, já ajuda muito. Boa alimentação é, também, uma questão de hábito."

Para ela, a rotina alimentar ideal é criada quando se entende que a exceção não deve se tornar regra. "Tem dia que dá vontade de comer um doce ou um lanche e tudo bem! O importante é o equilíbrio", reflete.