PUBLICIDADE

Topo

Roberta abandonou remédios para emagrecer e perdeu 34 kg com low carb

Como Emagreci - roberta - Arquivo pessoal
Como Emagreci - roberta Imagem: Arquivo pessoal

Bárbara Therrie

Colaboração para o VivaBem

18/03/2021 04h00

Durante 20 anos, Roberta Abreu, 51, teve uma relação complicada com medicamentos a emagrecer. Em questão de meses, ela perdia 20 kg com remédio e ganhava tudo novamente ao interromper seu uso. Ao se surpreender com o tamanho do corpo em uma foto, a coach decidiu que ia mudar hábitos para acabar com o efeito sanfona e a dependência da medicação. A seguir, Roberta revela como foi de 90 kg para 56 kg:

"Minha relação com o peso começou a se tornar complexa ainda na adolescência. Aos 14 anos, eu era 'cheinha' e minha irmã, de 13, magrela. Isso me incomodava bastante.

Comecei a pesquisar por que as pessoas engordavam e a fazer caminhadas para tentar não ganhar peso, mas foi inevitável e os números na balança seguiram aumentando.

Como emagreci - Roberta - Arquivo pessoal - Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal

Casei e tive três gestações seguidas. Minha vida era cuidar das crianças, da casa e do marido. Vivia cozinhando e inventando mil e uma receitas de tortas salgadas, bolos, pães caseiros. Sentia muita fome. Almoçava e depois comia o resto da comida das crianças. À tarde, elas iam para a escolinha e eu acabava com dois pacotes de biscoito recheado.

Logo após a primeira gestação, quando estava com 78 kg, conheci os remédios inibidores de apetite e a partir daí me tornei refém dos medicamentos para emagrecer. Durante 20 anos, sofri com o efeito sanfona por causa dessas substâncias e praticamente me tornei uma viciada.

Como sofria muito com os efeitos colaterais, após emagrecer eu interrompia o uso do medicamento. Mas aí, em cerca de dois meses, já tinha recuperado uns 20 kg e voltava com o remédio. As pessoas ficavam assustadas com a minha aparência, pois me viam magra um dia, gorda dali um tempo e depois novamente muito magra, com a bochecha funda. Era um choque.

Como Emagreci - roberta - Arquivo pessoal - Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal

Nunca gostei de fazer exercícios e tentei emagrecer algumas vezes sem tomar remédio, só mudando a alimentação, mas as dietas não duravam.

Ficava muito desmotivada por não contar com o apoio das pessoas. Em almoços de família, quando ia me servir, sempre alguém comentava: 'Olha lá, vai comer e depois ficar reclamando que está gorda'. Isso me chateava e me fazia recorrer aos remédios, que eram minha válvula de escape.

No final de 2015, fiz uma viagem a trabalho com minha equipe para Curitiba. Fomos passear no Jardim Botânico e meu chefe tirou uma foto minha. Quando vi meu tamanho na imagem, não acreditei que era eu e me perguntei como cheguei aquele ponto. Chorei muito. Voltei para minha cidade e encarei subir na balança após anos: estava com 90 kg.

Nesse dia, decidi que iria mudar. Esperei passar as festas de fim de ano e no dia 4 de janeiro de 2016, com quase 47 anos, iniciei um novo processo de emagrecimento, dessa vez sem o uso de medicamentos.

Como Emagreci - roberta - Arquivo pessoal - Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal

Uma colega tinha emagrecido com a dieta Dukan e resolvi experimentar. Pobre em carboidratos e rico em proteínas, o programa de alimentação tem quatro fases, mas só fiz as duas primeiras: a de ataque e a de cruzeiro. Em quatro meses, sequei 25 kg. Foi a primeira vez que perdi tantos quilos sem remédio.

Apesar do bom resultado, achei a dieta restritiva demais e enjoativa, difícil sustentar para a vida inteira. Por isso, não prossegui com ela. Mas mantive a boa alimentação. Adotei a estratégia de controlar a boca e comer porções menores do que estava acostumada antes de perder 25 kg. Evitava carboidratos e priorizava o consumo de carnes, verduras e legumes. Mas não me mantive totalmente focada na boa alimentação. Em dois anos, acabei engordando e cheguei a quase 79 kg.

Como Emagreci - robertaComo Emagreci - roberta - Arquivo pessoal - Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal

Em 2018, decidi fazer abdominoplastia, lipoescultura e colocar silicone nos seios. Mas o cirurgião disse que só me operaria se eu perdesse 10 kg. Então, foquei em seguir corretamente a dieta low carb e atingi os 69 kg necessários.

Após os procedimentos estéticos, intensifiquei os cuidados com a alimentação. Continuei com um cardápio low carb, o que para mim significa comer uma comida gostosa e de 'verdade'. Basicamente, consumo aquilo que encontramos na feira (verduras, frutas, legumes, ovos), no açougue (carnes e frango) e na peixaria. Também faço jejum intermitente e em alguns momentos a dieta cetogênica (uma low carb mais restrita).

Como Emagreci - Roberta - Arquivo pessoal - Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal

Ao todo, sequei 34 kg e digo que 'emagreci sentada', pois perdi peso só com dieta e nunca fiz exercícios físicos. Mas me arrependo disso e agora entendo a importância do treino para a saúde e longevidade. Estou correndo atrás do prejuízo e hoje faço musculação com personal, para ganhar massa magra.

Aos 51 anos, procuro manter meu peso entre 56,5 kg e 58,5 kg. Estou na melhor fase da minha vida e me sinto lisonjeada quando acham que sou irmã das minhas três filhas. Entendo que sou uma 'obesa autocontrolada' e não devo abrir mão dos hábitos saudáveis, pois posso voltar a engordar.

Acredito ser uma prova real de que nunca é tarde para mudar e ter um estilo de vida saudável. Por isso, com toda a minha experiência pessoal e minha formação em coaching, procuro motivar e inspirar outras mulheres que querem emagrecer em meu perifil no Instagram (@dietadaroh)."

Quer emagrecer? Receba um plano gratuito com treino e dieta em seu email

Você quer mudar hábitos, começar a praticar exercícios, ter uma alimentação mais saudável e emagrecer? O VivaBem preparou uma série de newsletters com um programa de treino e uma dieta para perder peso (neste link tem a caixa para você se cadastrar para recebê-las). Ao assinar a newsletter do #ProjetoVivaBem, você vai receber em seu email, ao longo de 12 semanas, um plano completo e gratuito com exercícios, cardápios e dicas para mudar o estilo de vida, que ajudarão a alcançar o objetivo de eliminar gordura corporal, ganhar músculos e, principalmente, adotar hábitos mais saudáveis. Siga nosso programa e compartilhe seu novo dia a dia mais saudável e seus resultados nas redes sociais com a #ProjetoVivabem.