Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Assim como ocorreu com Anitta, intoxicação alimentar pode exigir internação

Anitta em show na Times Square, em Nova York Imagem: Gary Hershorn-Pool/Getty Images

Luiza Vidal

Do VivaBem*, em São Paulo

18/02/2021 14h23

Anitta está internada, no Rio de Janeiro, devido a uma intoxicação alimentar, infecção que atinge o trato digestivo. Segundo a assessoria de imprensa da cantora, ela passou por diversos exames e está sob cuidados médicos, recebendo medicação e hidratação.

Diferente de Anitta, a maioria das pessoas com intoxicação alimentar pode fazer o tratamento em casa, com hidratação via oral, remédio para náusea (caso a pessoa esteja com esse sintoma) e, eventualmente, tomar probióticos, para ajudar a repor a flora intestinal em caso de diarreia.

Mas, em algumas situações, a intoxicação alimentar pode levar a um quadro de desidratação e aí, sim, é necessário uma internação em hospital, como ocorreu com a cantora. "Se o paciente tem diarreia, um quadro persistente, e a partir daí tem febre alta, mal-estar, prostração [fraqueza] e desidratação, é um caso que obriga a internação hospitalar", explica Henrique Perobelli, gastroenterologista da Rede de Hospitais São Camilo de São Paulo, ao VivaBem.

A intoxicação alimentar ocorre por conta do consumo de alimentos contaminados com toxinas produzidas por determinados tipos de bactérias, na maioria dos casos, mas também por vírus e protozoários. Por isso, para prevenir a doença, é importante higienizar bem os alimentos, como frutas e verduras, além de consumir carnes de lugares com boa procedência. As principais fontes de contaminação são:

  • Peixe cru ou frutos do mar;
  • Carnes ou ovos mal cozidos;
  • Todo tipo de alimento preparado com utensílios (faca, tábua de carne, por exemplo) sem a devida higienização;
  • Água não tratada;
  • Derivados do leite (queijos, iogurtes etc.);
  • Alimentos que contêm maionese que estejam fora da geladeira por muito tempo.

Quais são os sintomas de intoxicação alimentar?

Os sintomas aparecem logo, ou seja, em até 6 horas após a ingestão do alimento. Além disso, você poderá observar os seguintes sinais:

  • Dor ou desconforto abdominal e náuseas;
  • Sensação de empachamento (má digestão);
  • Cólicas;
  • Diarreia (maior ou menor volume; maior ou menor frequência);
  • Prostração (fraqueza);
  • Mal-estar geral associado a dor de cabeça;
  • Sensação de tontura ou desmaio;
  • Febre (mais raramente).

* Com informações de reportagem publicada no dia 03/03/2020.

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Assim como ocorreu com Anitta, intoxicação alimentar pode exigir internação - UOL

Obs: Link e título da página são enviados automaticamente ao UOL

Saúde