PUBLICIDADE

Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

Doenças isquêmicas do coração foram maior causa de morte no Brasil em 2019

iStock
Imagem: iStock

Samantha Cerquetani

Colaboração para VivaBem

16/10/2020 14h35

As doenças isquêmicas do coração foram a principal causa de morte no Brasil em 2019. É o que apresenta o relatório GBD (Global Burden of Diseases, Injuries, and Risk Factors Study), divulgado no periódico The Lancet. De acordo com a pesquisa, 171 mil brasileiros morreram devido à doença.

O problema de saúde, que também é conhecido como doença arterial coronariana ou isquemia cardíaca, afeta as artérias do coração. Ocorre quando há uma diminuição do fluxo sanguíneo nas artérias que fornecem sangue ao coração. Quando a circulação sanguínea fica comprometida pode provocar dores no peito (angina) e, em casos mais graves, leva a um infarto.

Em 2º lugar, vem as doenças cerebrovasculares —como o AVC—; em 3º, as infecções respiratórias inferiores (como bronquite, gripe e bronquiolite); na 4ª posição aparece a DPOC (doença pulmonar obstrutiva crônica), e para completar o top 5, temos a violência interpessoal —entram aí casos de violência doméstica, por exemplo.

Crédito: Reprodução/IHME

Como prevenir?

É importante conhecer os fatores de risco para diminuir a probabilidade das doenças isquêmicas do coração aparecerem. Entre eles, estão:

  • obesidade;
  • pressão alta;
  • sedentarismo;
  • tabagismo;
  • uso de álcool em excesso;
  • colesterol elevado;
  • diabetes;
  • hábitos alimentares pouco saudáveis;
  • histórico familiar;
  • estresse.

Por isso, a recomendação dos especialistas é manter hábitos saudáveis durante toda a vida. E também realizar um check-up anual com um cardiologista, uma vez que a doença pode ser silenciosa.

Saúde