PUBLICIDADE

Topo

Equilíbrio

Cuidar da mente para uma vida mais harmônica


Equilíbrio

Ter mais sabedoria pode proteger da solidão, indica estudo

iStock
Imagem: iStock

Samantha Cerquetani

Colaboração para VivaBem

01/10/2020 16h39

Um novo estudo, que foi divulgado hoje (1º) na revista científica Aging & Mental Health, analisou a relação entre a sabedoria e a solidão em pessoas de meia-idade e idosas.

De acordo com pesquisadores da Escola de Medicina da Universidade da Califórnia (EUA) e da Universidade de Roma La Sapienza (Itália), ter mais conhecimentos pode ser um fator protetor contra os sentimentos negativos da solidão e do isolamento.

Como foi feito o estudo?

A pesquisa avaliou grupos de adultos com idades entre 50 e 65 anos, e também acima de 90 anos. Os participantes eram moradores da região de Cilento e da cidade de San Diego —na Itália e nos EUA, respectivamente. Ao todo, foram avaliadas 482 pessoas.

Foram usadas escalas específicas para avaliar o grau de solidão e de sabedoria dos participantes. E os pesquisadores concluíram que os idosos mais sábios se sentiam menos solitários, independentemente do local, das origens históricas e da língua nativa.

Além disso, a pesquisa revelou que as pessoas mais compassivas e com mais empatia eram menos solitárias. Sendo assim, para os estudiosos, tanto a solidão quanto a sabedoria são traços de personalidade. E a maioria dos traços de personalidade é parcialmente herdada e também determinada pelo ambiente.

O que esperar

Segundo Dilip V. Jeste, pesquisador principal do estudo, essas informações e dados, que examinam as formas de diminuir a solidão dos idosos, serão essenciais para intervenções futuras mais eficazes nos cuidados da saúde na terceira idade.

Em breve, os estudiosos querem investigar como realizar essas intervenções para aumentar a compaixão e a sabedoria dessas pessoas. E, consequentemente, descobrir como diminuir os efeitos da solidão em idosos.

Equilíbrio