PUBLICIDADE

Topo

Pergunte ao VivaBem

Os melhores especialistas tiram suas dúvidas de saúde


Pergunte ao VivaBem

Perdi a carteira de vacinação. Preciso tomar todas as vacinas de novo?

Fernanda Garcia/UOL VivaBem
Imagem: Fernanda Garcia/UOL VivaBem

Daniel Navas

Colaboração para o VivaBem

11/02/2020 04h00

A perda da carteirinha não faz com que a pessoa tenha que ser imunizada com vacinas que tomou desde a infância, pois o risco de infecção e a exposição aos agentes muda com o passar dos anos. A primeira medida é procurar o local onde foi vacinado. Esses estabelecimentos possuem o registro de todas as vacinas realizadas e esse serviço está em processo de informatização na rede pública.

Vale esclarecer que aqueles que perderam a carteirinha de vacinação e que não conseguiram resgatar os registros, não receberão todas as vacinas e sim as indicadas para sua faixa etária. Isso porque o calendário de vacinação é construído levando-se em consideração a incidência das doenças em cada idade. Em caso de dúvidas, o ideal é consultar um infectologista.

As vacinas estimulam o sistema imunológico a proteger as pessoas contra doenças transmissíveis. Assim, elas têm o poder de proteger cada pessoa individualmente e de contribuir para a erradicação daquela doença. À medida que aquele microrganismo deixa de causar doença em certa população, o mesmo deixa de circular numa determinada área, levando, então, à erradicação da doença.

Para quem precisa tomar mais de uma vacina, saiba que elas podem ser realizadas no mesmo dia. Entretanto, caso isso não ocorra, o intervalo mínimo entre elas deve ser de 30 dias, quando o esquema incluir vacinas de vírus atenuado (como da poliomielite oral, rotavírus, sarampo, caxumba, rubéola, varicela e febre amarela). Tempo esse para que o sistema imunológico do corpo responda corretamente à imunização.

Fontes: André Machado, infectologista do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, Carolina Ali Santos, infectologista e professora do DECPA (Departamento de Clinicas Pediátrica e do Adulto) da UFOP (Universidade Federal de Ouro Preto) e Lessandra Michelin, diretora da SBI (Sociedade Brasileira de Infectologia).

Quais são suas principais dúvidas sobre saúde do corpo e da mente? Mande um email para pergunteaovivabem@uol.com.br. Toda semana, os melhores especialistas respondem aqui no UOL VivaBem.

Pergunte ao VivaBem