PUBLICIDADE

Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

Estudo explica por que alguns cosméticos causam reação alérgica

As células da pele desmascaram substâncias químicas indutoras de alergia - iStock
As células da pele desmascaram substâncias químicas indutoras de alergia Imagem: iStock

Do VivaBem, em São Paulo

06/01/2020 15h40

Resumo da notícia

  • Pesquisadores descobriram que uma proteína da pele chamada CD1a desmascaram substâncias químicas indutoras de alergias
  • Após o contato, as células T (do sistema imunológico) reconhecem o produto químico como estranho, desencadeando a reação alérgica.
  • A pesquisa abre caminho para novos testes, dessa vez em humanos, para confirmar o mecanismo em pacientes alérgicos e projetar inibidores da resposta

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Columbia sugere como alguns compostos químicos encontrados em cremes, cosméticos e outros produtos de consumo tópico desencadeiam uma reação alérgica na pele. A descoberta pode ajudar na criação de tratamentos eficazes contra essas alergias.

No estudo, publicado no periódico Science Immunology, na sexta-feira (3), os pesquisadores revelaram que vários produtos químicos comuns, como Bálsamo do Peru e o farnesol, foram capazes de se ligar a moléculas da camada externa da pele e ativar células T (do sistema imunológico). Quando as células T reconhecem um produto químico como estranho, ocorre a reação alérgica.

O bálsamo do Peru e o farnesol são encontrados em muitos produtos de cuidados pessoais, como cremes para a pele, creme dental e fragrâncias. No bálsamo, por exemplo, os pesquisadores identificaram o benzoato de benzila e o cinamato de benzila como os produtos químicos responsáveis pela reação, e no geral identificaram mais de uma dúzia de pequenos produtos químicos que ativaram as células T.

Como o estudo foi feito

  • Os pesquisadores testaram se uma proteína abundante da pele humana (CD1a) está por trás do reconhecimento de alérgenos por contato.
  • Para isso, eles a colocaram em contato com vários produtos químicos comuns conhecidos por desencadear dermatites alérgicas de contato.
  • Os resultados mostraram que as células da pele desmascaram substâncias químicas indutoras de alergias, principalmente as presentes no Bálsamo do Peru e no farnesol.
  • Ao desmascararem esses produtos químicos, as células T, de defesa do organismo, começam uma "batalha" contra eles, como se fossem invasores, causando uma reação alérgica.

Novos tratamentos

A única maneira de interromper a dermatite alérgica de contato é identificar o produto culpado e evitar um próximo contato. Segundo os pesquisadores, pomadas tópicas podem ajudar a acalmar as erupções cutâneas, que geralmente desaparecem em menos de um mês. Em casos graves, os médicos podem prescrever corticosteroides orais, ou melhor, anti-inflamatórios que suprimem o sistema imunológico. O problema é que isso também pode aumentar o risco de infecções e outros efeitos colaterais.

Com o novo estudo, os cientistas agora planejam encontrar uma maneira de bloquear a resposta das células da pele a esses produtos e anular a ativação das células T. Eles garantem que alguns trabalhos já estão em andamento para identificar compostos promissores.

No entanto, os próprios cientistas pediram cautela em relação aos resultados: "Precisamos ter cuidado ao afirmar que é definitivamente assim que funciona em pacientes alérgicos", diz Annemieke de Jong, professora assistente de dermatologia na Faculdade de Medicina e Cirurgia da Universidade de Columbia. "O estudo abre caminho para testes de acompanhamento, para confirmar o mecanismo em pacientes alérgicos e projetar inibidores da resposta".

VivaBem no Verão - 2ª edição

O VivaBem está no litoral paulista com o VivaBem no Verão. São dois espaços na Riviera de São Lourenço com diversas opções de atividades físicas, lazer, cultura e comidas para você curtir o calor com a família ou os amigos. Saiba mais sobre o evento aqui e venha nos visitar!

Data: de 26 de dezembro de 2019 até o dia 09 de fevereiro de 2020, de quinta a domingo
Horário de funcionamento: das 9h até as 13h (praia) e das 17h até a 1h (arena)
Endereço arena: Av. Riviera, s/n, próximo ao shopping - Bertioga (SP)
Local do espaço na praia: canto direito da praia de Riviera de São Lourenço
Entrada: Gratuita

Saúde